Quarta-feira, 22 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
25°
Fair

Leandro Mazzini O MEC avança na implementação das escolas cívico-militares no País

O Ministério da Educação deveria fiscalizar mais as fábricas de diplomas. É a indústria que rende e engana. (Foto: Divulgação)

O Ministério da Educação avança na implementação das escolas cívico-militares. Iniciou a capacitação de profissionais – professores, gestores, diretores, pedagogos e pretende alcançar 216 escolas até 2023 — esperam-se 54 ano que vem. A capacitação reúne 170 profissionais da educação e representantes de Estados e municípios em Brasília. Eles participam de palestras e oficinas sobre o projeto político-pedagógico das escolas, as normas de conduta, avaliação e supervisão escolar, além da apresentação das regras de funcionamento das escolas e as atribuições de cada profissional.

A conferir

O MEC acredita que o modelo “vai promover um salto na qualidade educacional”.

Carência alta

Então ministro da Educação, Fernando Haddad revelou anos atrás, num fórum de João Dória (então empresário de eventos) na Bahia, que o Brasil tinha déficit de 400 mil professores na área de exatas. A situação não mudou.

Moro 2020 ou 22

Cresce à boca pequena no Palácio especulação sobre o futuro de Sérgio Moroa: ministro do  STF, vice na chapa de Bolsonaro em 2022, ou até candidato a presidente.

Novas exigências

A Receita Federal vai exigir, a partir de 1º de janeiro de 2020, que as encomendas e remessas internacionais possuam a identificação do CPF, CNPJ e número do passaporte do destinatário para ter seu despacho iniciado. A falta dessa informação poderá acarretar a proibição da entrada e a devolução da encomenda ao exterior.

Lavanderia

A situação é tão difícil nas contas públicas que a Marinha comemora emenda de R$ 120 mil, do deputado Gustavo Fruet, para aquisição de máquinas de lavar para a unidade do Estágio Inicial e Adaptação, no Paraná.

Seringa nos pais

Avança em comissões na Câmara dos Deputados um Projeto de Lei (3842), de Alice Portugal (PCdoB-BA), que promete polêmica. Criminaliza os pais que não vacinarem os filhos.

Saliência rural

O deputado Pr. Eurico (PHS-PE) apresentou o Projeto de lei 6317 que proíbe construção de motéis no perímetro urbano. Ganhou simpatia da bancada evangélica.

Zé gourmet

Condenado na Lava Jato, com liminar de soltura dada pelo ministro presidente do STF, Dias Toffoli, José Dirceu curte a vida em encontros com a militância do PT em Brasília. Hoje, será homenageado em jantar por adesão (R$ 50 por pessoa) no Fulô do Jirimum, na Vila Planalto, com comida nordestina no cardápio.

Pé na estrada

A vida de luxo com viagens de jatinhos bancadas pelo PT e do bolso ficou para trás. Dirceu agora só viaja de carro, independentemente da distância, para não ser hostilizado.

Atentai

O Senado pode avançar ano que vem numa proposta que proíbe a prisão administrativa a policiais e bombeiros.

ESPLANADEIRA

# Os Correios lançaram novo layout do portal, mais dinâmico para navegação.

# O empresário Alek Maracajá, da Ativaweb, é o novo presidente da seção paraibana da Associação Brasileira das Agências Digitais.

Voltar Todas de Leandro Mazzini

Compartilhe esta notícia:

O PDT terá de ressarcir os cofres públicos com 2 milhões de reais
Surge um script bem diferente sobre a demissão da diretora de educação da TV Escola
Deixe seu comentário
Pode te interessar

Leandro Mazzini Abuso de autoridade

Colunistas Cadê elas?

Colunistas Deserção hermana