Últimas Notícias > Colunistas > Do seu, do nosso

Mulher de 39 anos é presa em Tucunduva após confessar ter matado companheiro

(Foto: Vinicius Vargas)

Uma mulher de 39 anos foi presa nesta quinta-feira (18), após confessado o assassinato do próprio marido, em legítima defesa. Segundo Josiane Froehlich o casal teria se desentendido e ele se tornou agressivo. Para se defender, ela atingiu Arlei Quatrin, de 47 anos, com facadas.

Ela foi autuada por homicídio doloso, pois foi identificada intenção de matar, já que, de acordo com o  entendimento da polícia, houve excesso, já que resultou na morte do companheiro. O crime aconteceu em Tucunduva, região noroeste do Rio Grande do Sul, durante a madrugada desta quinta-feira (18). Ainda de acordo com o relato da autora do crime, a reação dela foi em resposta a agressão do homem, que estaria a segurando pelos braços.

Josiane não tinha antecedentes criminais. Ela foi encaminhada ao Presídio de Santa Rosa.

Deixe seu comentário: