Terça-feira, 19 de outubro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
14°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Rio Grande do Sul Ampliação do distrito industrial de Rio Grande terá investimento privado de R$ 9,4 bilhões

Compartilhe esta notícia:

Leite destacou que esse investimento é uma ótima notícia para a economia gaúcha

Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini
Leite destacou que esse investimento é uma ótima notícia para a economia gaúcha. (Foto: Gustavo Mansur/Palácio Piratini)

O governador Eduardo Leite visitou na quinta-feira (22), no Litoral Sul do RS, o Tecon Rio Grande, principal terminal de contêineres do Estado, que opera linhas marítimas que ligam o Brasil ao mundo.

Acompanhado do titular da Portos RS (Superintendência dos Portos do Rio Grande do Sul), de secretários e da presidente da Fepam (Fundação Estadual de Proteção Ambiental), Marjorie Kauffmann, Leite participou de um encontro para apresentação do projeto Rio Grande – Porto Indústria.

O projeto conta com investimentos de R$ 9,4 bilhões, oriundos de 17 empresas que, juntas, gerarão mais de 11,7 mil postos de trabalho no distrito industrial. A intenção é que o ambiente ofereça proximidade e promova o desenvolvimento para todos os elos da cadeia produtiva do Estado, com uma estrutura que facilitará o escoamento da produção, como a importação de matérias-primas.

O Rio Grande – Porto Indústria faz parte do programa transversal Avançar, dentro do eixo Avançar pelo Crescimento. A Portos RS estima que o impacto do projeto compreenda 434 lotes, 338 hectares com sistema viário implantado, 700 quilômetros de vias navegáveis ligando o porto do Rio Grande ao interior, um terminal público, quatro terminais de uso privado e 31 berços para atracação.

“Optamos por caminhar em duas frentes desde o início da gestão: priorizar as privatizações e reformar a máquina pública internamente. Isso nos permitiu reduzir as despesas e, com as receitas viabilizadas, podemos programar investimentos públicos para ajudar em muitas frentes, como a mobilidade. Melhor infraestrutura atrai mais investimentos, como esse que estamos vendo, e que podem transformar a realidade dos moradores e do entorno das cidades. Esse investimento é uma ótima notícia para o Rio Grande e, consequentemente, para a economia gaúcha. Contem com o apoio do governo do Estado para que todos esses empreendimentos se viabilizem”, ressaltou Leite.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Com fraturas no rosto e no corpo, deputada federal Joice Hasselmann pede investigação à Polícia Legislativa
Viagens gratuitas de bicicleta são disponibilizadas para quem for se vacinar em Porto Alegre
Deixe seu comentário
Pode te interessar