Segunda-feira, 15 de agosto de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
18°
Mostly Cloudy

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Mundo Após decisão da Suprema Corte dos Estados Unidos, protestos a favor do aborto se espalham pelo país

Compartilhe esta notícia:

Mulheres saíram às ruas após a Suprema Corte revogar a decisão do caso "Roe contra Wade"

Foto: Reprodução de TV
A medida deve ajudar mulheres a viajar para fora de estados que proíbem o procedimento para realizá-lo. (Foto: Reprodução de TV)

Após a decisão da Suprema Corte dos Estados Unidos que derrubou o direito ao aborto legal no país, divulgada na sexta-feira (24), os norte-americanos foram às ruas para protestar em diversos Estados.

A maioria dos atos foi pacífica, mas houve confrontos entre policiais e manifestantes em cidades como Phoenix, no Arizona, e Los Angeles, na Califórnia.

Em Cedar Rapids, em Iowa, duas pessoas ficaram feridas após serem atingidas por um carro durante desentendimento com o motorista do veículo em um protesto.

Um dos maiores protestos ocorreu na capital norte-americana, Washington, onde centenas de manifestantes se reuniram em frente à Suprema Corte. Em Nova York, milhares de pessoas se concentraram no Washington Square Park. Em Los Angeles, os manifestantes bloquearam o trânsito no Centro da cidade.

Na Filadélfia, diversas mulheres se reuniram em frente à Câmara Municipal. Já em Austin, o protesto ocorreu em frente ao Tribunal Federal.

Centenas de pessoas saíram às ruas em Atlanta, em duas manifestações separadas que se terminaram na sede do governo do Estado da Geórgia. Denver, Miami e Houston também foram palcos de manifestações na sexta-feira.

Decisão

A Suprema Corte dos EUA revogou a decisão do caso conhecido como “Roe contra Wade”, de 1973, que reconhecia o direito constitucional ao aborto, legalizando o procedimento em todo o país.

A decisão de sexta-feira devolveu aos Estados norte-americanos o poder de definir se permitem ou não a interrupção da gestação.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Lula diz que o Brasil está “precisando de carinho”
Inspirado na Expodireto, Universo Pecuária será realizado em novembro na Região da Campanha
Deixe seu comentário
Pode te interessar