Sexta-feira, 03 de Abril de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Partly Cloudy

Capa – Caderno 1 Após dissolver o Parlamento, presidente do Peru recebe apoio das Forças Armadas

(Foto: Reprodução/ Pixabay)

Após dissolver o Congresso da República e convocar novas eleições para janeiro de 2020, o presidente do Peru, Martín Vizcarra, recebeu o apoio do chefe do Comando Conjunto das Forças Armadas e dos comandantes gerais do Exército, Marinha, Força Aérea e Polícia Nacional do Peru.

O chefe do comando conjunto das Forças Armadas, César Astudillo, os comandantes gerais do Exército, Jorge Celis; da Marinha, Fernando Cerdán, e da Força Aérea, Rodolfo García, além do chefe da Polícia Nacional, José Luis Lavalle, foram ao Palácio do Governo para reafirmar seu apoio e reconhecimento a Vizcarra como presidente constitucional. No caso das Forças Armadas, indicaram que sua principal missão é garantir a independência, soberania e integridade territorial da República.

Já a Polícia Nacional do Peru afirmou que, de acordo com o Artigo 166 da Constituição Política, mantém e restaura a ordem interna e garante o cumprimento das leis e a segurança do patrimônio público e privado em todo o território nacional e está subordinado ao poder constitucional.

O chefe de Estado adotou essa decisão depois que o Parlamento negou a confiança de dois conselhos de Ministros do governo eleitos para o período 2016-2021.

LEIA MAIS:Presidente do Peru convoca novas eleições legislativas

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Capa – Caderno 1

Veja os times que se enfrentarão na Copa Libertadores Feminina 2019
Ivete Sangalo vai estar no Rock in Rio Lisboa 2020
Deixe seu comentário
Pode te interessar