Segunda-feira, 21 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Fair

Brasil Avanço do coronavírus pode atrasar pente-fino e redução da fila do INSS

Compartilhe esta notícia:

Perícias médicas para segurados afastados do trabalho por acidente ou doença deverão ser mantidas

Foto: Divulgação
Perícias médicas para segurados afastados do trabalho por acidente ou doença deverão ser mantidas. (Foto: Divulgação)

O avanço do coronavírus no País alterou o atendimento nas agências do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e ainda deve afetar os planos do governo quanto à revisão dos benefícios por incapacidade, podendo trazer impactos até mesmo para as medidas de redução da fila de espera por benefícios.

Apesar da crise, a Secretaria de Previdência informou na segunda (16) que, por enquanto, está mantida a contratação de servidores aposentados e de militares da reserva que participarão do mutirão convocado pelo governo para reduzir a fila de quase 2 milhões de pedidos de benefícios à espera de análise.

A Secretaria informou, porém, que, diante da pandemia, não poderia confirmar a convocação oficial para até sexta-feira (20), prazo inicialmente previsto para a publicação do edital. As perícias médicas para segurados afastados do trabalho por acidente ou doença deverão ser mantidas e só serão interrompidas se o agravamento da crise sanitária levar ao fechamento das agências da Previdência, informou uma fonte do setor.

Mas a convocação de beneficiários de auxílio-doença para passarem pelo pente-fino anunciado há mais de um ano, ainda no início da gestão de Jair Bolsonaro, não deve ocorrer antes de abril ou até que a crise de saúde esteja sob controle.

O pente-fino sofreu diversos atrasos devido a dificuldades no desenvolvimento do sistema que organiza as perícias. A previsão mais recente era de que as convocações começassem no início deste ano, o que não ocorreu.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Brasil decide manter as fronteiras abertas diante do novo coronavírus
Polícia Federal restringe a emissão de passaportes em todo o País
Deixe seu comentário
Pode te interessar