Quarta-feira, 05 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
14°
Fog

Marcas & Veículos Confira bons carros zero quilômetro que custam menos de 50 mil reais

Compartilhe esta notícia:

Fiat Mobi é atualmente o modelo mais barato. (Foto: Divulgação)

Quem está procurando carro zero quilômetro para comprar e não tem como gastar mais do que R$ 50 mil ainda encontra algumas opções no mercado. Mais precisamente, 14. Algumas montadoras mantêm veículos básicos com preços fixados estrategicamente abaixo dessa “barreira psicológica”. O principal objetivo, claro, é atender a clientela que quer comprar carro novo mas está com orçamento apertado. A razão secundária é atrair o interessado para a loja e, lá, tentar oferecer um modelo mais caro. As informações são do jornal Estado de S. Paulo.

Os 14 modelos são oferecidos por sete fabricantes. Todos têm motor 1.0, mas há opções de hatches e também sedãs. Atualmente, o modelo mais barato do País é o Fiat Mobi. A palavra “atualmente” está aí porque o posto tem alternado de dono com alguma frequência. Ora, ocupado pelo Chery QQ. Ora, pelo Renault Kwid, e às vezes pelo Mobi, como agora. O subcompacto da Fiat não ultrapassa a barreira dos R$ 50 mil nem na versão mais cara. O modelo parte de R$ 33.490 na versão Easy, e chega aos R$ 48.590 na Drive 1.0 com câmbio automatizado (GSR).

A Fiat, aliás, é a montadora que mais tem modelos abaixo desse patamar. Além do Mobi, há outras três opções: Uno, Argo e Grand Siena. O veterano Uno entra na lista com todas as opções 1.0. Começa com o Attractive (R$ 46.490) e vai até o aventureiro Way, com preço sugerido de R$ 49.990.

Por R$ 49.590, é possível ficar com o Argo 1.0 básico, projeto muito mais novo do que o Uno. E, por R$ 49.990, a Fiat oferece um sedã, o Grand Siena. O projeto é antigo, mas pode ser uma opção interessante para quem precisa de porta-malas espaçoso.

O segundo modelo mais barato do Brasil é o subcompacto Renault Kwid. Nenhuma das quatro versões do modelo ultrapassa os R$ 50 mil. As opções começam com a Life (R$ 33.990) e chegam à nova Outsider (R$ 44.990). Ainda na linha Renault, há também duas opções 1.0 do Sandero, modelo que acaba de ser reestilizado: Life (R$ 46.990) e Zen, bem ali no limite dos R$ 50 mil: R$ 49.990.

Chery QQ é o terceiro da lista

Em terceiro lugar na lista de veículos mais baratos do País aparece o Chery QQ, subcompacto de origem chinesa montado em Jacareí (SP). O modelo custa de R$ 35.990 (versão Look) a R$ 37.990 (ACT).

Afora o Grand Siena, há ainda duas opções de sedãs nessa faixa de preços. Um é o Chevrolet Prisma Joy (foto abaixo), que custa R$ 49.990.

A outra, o Hyundai HB20S Unique, que custa R$ 48.990. No entanto, é preciso estar ciente de que a marca irá lançar a nova família HB20 (hatch, sedã e aventureiro) no mês que vem, com profundas alterações.

O HB20 hatch, aliás, também entra na lista, com dois representantes 1.0: Unique (R$ 44.490) e Comfort Plus (R$ 48.990). Da mesma forma, o automóvel mais vendido do Brasil, o Chevrolet Onix, também tem duas opções nessa faixa: o básico Joy (R$ 46.590) e o LT, com a frente reestilizada, por R$ 47.490.

A Volkswagen tem dois modelos nessa faixa. O mais barato é o Gol 1.0 básico, por R$ 47.020. O outro é o subcompacto Up!, por R$ 49.590. Para finalizar, a Ford entra na lista com o Ka (foto). O modelo custa R$ 45.590 na versão S 1.0, e R$ 49.790 na SE Plus 1.0.

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Marcas & Veículos

Terapia de “cócegas” na orelha pode reduzir envelhecimento e melhorar humor e sono
Conheça os perigos do colesterol alto em crianças
Deixe seu comentário
Pode te interessar