Sexta-feira, 22 de Janeiro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
23°
Fair

Cultura Futuro centro cultural público tem obra de revitalização entregue em Taquara

Compartilhe esta notícia:

Casa Vidal irá abrigar arquivo, museu e biblioteca muncipais, assim como exposições e oficina de artes cênicas.

Foto: Rafael Varela/Ascom Sedac
Casa Vidal irá abrigar arquivo, museu e biblioteca muncipais, assim como exposições e oficina de artes cênicas. (Foto: Rafael Varela/Ascom Sedac)

A secretária da Cultura, Beatriz Araujo, esteve em Taquara na manhã desta sexta-feira (6) para a entrega da primeira etapa do projeto de revitalização da Casa Vidal, local que irá se tornar um centro cultural público. A solenidade da conclusão foi seguida de visita guiada ao prédio, tombado pelo município em 2012.

Com data de 1882, a Casa Vidal foi o segundo prédio em alvenaria construído em Taquara. Atualmente, é o mais antigo em pé na cidade. Tornou-se um dos pontos comerciais mais importantes da região com a venda de ferragens, tecidos e roupas. Em 2010, o grupo português Sonae, dono do imóvel à época, fez sua doação ao município.

A primeira parte da restauração, iniciada em 2018, inclui a revitalização do prédio e a readequação dos espaços para abrigar equipamentos culturais públicos, como o Arquivo Municipal, o Museu Municipal e a Biblioteca Pública. Também haverá ambientes para exposições e uma oficina de artes cênicas.

O projeto foi financiado pela LIC (Lei de Incentivo à Cultura), do governo do Estado. Na primeira etapa, o investimento chegou a R$ 1.206.609,58. O restauro conta com a realização do município e o patrocínio de sete empresas. A previsão é que a próxima etapa seja finalizada em 2021, com investimento de R$ 1 milhão, ainda sujeito à aprovação pela LIC.

A secretária Beatriz Araujo destacou o papel e a participação dos patrocinadores no projeto de revitalização. “Essa parceria preserva a memória da cidade e dos cidadãos. Certamente será um centro cultural efervescente. Como produtora cultural que sou, fico muito satisfeita em poder retomar minhas idas ao Rio Grande do Sul e estar em Taquara, hoje, para uma atividade dessa natureza. Tenham certeza de que o governo do Estado está disposto a investir em cultura, e eu quero voltar aqui para a segunda etapa das obras e ver esse centro, que será tão representativo para a comunidade, em pleno funcionamento.”

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Cultura

Rio Grande do Sul registra 3.072 novos casos da Covid-19 e mais 20 óbitos
Programa de trabalho voluntário nas férias no Parque do Tainhas está com inscrições abertas
Deixe seu comentário
Pode te interessar