Quinta-feira, 28 de Maio de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
23°
Fair

Brasil Indicação para a Caixa é foco de atrito entre Temer e Mercadante

Compartilhe esta notícia:

O vice-presidente Michel Temer (E) e o ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante (Foto: Reprodução)

A indicação a uma das vice-presidências da Caixa provocou mais um atrito na já desgastada relação entre o vice-presidente Michel Temer (PMDB) e o ministro Aloizio Mercadante (Casa Civil).

Temer ficou irritado ao saber que Mercadante consultou o líder do PMDB na Câmara, Leonardo Picciani (PMDB-RJ), antes de definir o nome do futuro ocupante de uma das mais cobiçadas cadeiras do banco.

O vice-presidente pretendia emplacar Roberto Derziê, que já ocupava este posto na Caixa, mas o deixou para assumir a secretearia-executiva da SRI (Secretaria de Relações Institucionais) quando Temer ficou responsável pela negociação do governo com o Congresso.

Quando Temer abandonou a articulação política, tentou recolocar o aliado na Caixa. O vice-presidente, porém, foi informado de que Mercadante estava negociando um outro nome com Picciani. Temer, segundo um interlocutor, se sentiu desrespeitado ao saber do ocorrido.

As disputas entre o vice e Mercadante, que também atuava na articulação com partidos da base, ganhou novos contornos nas últimas semanas. Temer chegou a confidenciar a aliados o incômodo com articulação paralela do Palácio do Planalto e a dificuldade de a Casa Civil liberar cargos negociados por ele.

Mercadante disse  que não desautorizou Temer no caso em questão. Segundo o ministro, Picciani já havia indicado para uma das vice-presidências da Caixa um servidor de carreira que foi aprovado pela Casa Civil. (Folhapress) 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Os símbolos do Rio Grande ganham destaque na Semana Farroupilha
Feriado de Sete de Setembro terá Passe Livre nos ônibus em Porto Alegre
Deixe seu comentário
Pode te interessar