Sábado, 31 de Outubro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
17°
Fair

Mundo Israel inicia o segundo lockdown nacional por causa do coronavírus

Compartilhe esta notícia:

O primeiro bloqueio total no país começou a vigorar no fim de março e foi flexibilizado em maio

Foto: Reprodução
Governo determinou três semanas de restrições. (Foto: Reprodução)

Israel iniciou nesta sexta-feira (18) o seu segundo lockdown nacional por causa da pandemia do novo coronavírus. O confinamento de três semanas coincide com os feriados religiosos mais importantes para os judeus: o Rosh Hashanah (Ano-Novo) e o Yom Kipur (Dia do Perdão).

O governo impôs limites à circulação de pessoas e às reuniões em grupo em todo o país. Entre as medidas, está a proibição de os israelenses se afastarem por mais de 500 metros de casa (há permissão para ir a locais de trabalho, porém com limitações). As reuniões devem se limitar a, no máximo, dez pessoas em ambientes fechados e 20 em ambientes abertos.

Permanecem abertos mercados, farmácias e o aeroporto internacional de Tel Aviv. Shoppings e hotéis estão fechados. As escolas já pararam de funcionar na quinta-feira (17).

O primeiro bloqueio total no país começou a vigorar no fim de março e foi flexibilizado em maio. Israel, que tem 9 milhões de habitantes, registra mais de 170 mil casos confirmados de Covid-19 e 1,1 mil mortes pela doença.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Nova York adia novamente o início das aulas presenciais nas escolas públicas
Reino Unido enfrenta nova onda de internações por coronavírus
Deixe seu comentário
Pode te interessar