Terça-feira, 11 de Maio de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Mostly Cloudy / Wind

Saúde Laboratórios prometem 200 milhões de doses de vacina contra o coronavírus para países pobres

Compartilhe esta notícia:

Empresas prometeram "garantir a cada país participante um acesso justo e equitativo às possíveis vacinas"

Foto: Reprodução
No Brasil, a expectativa é que a vacinação comece no final de janeiro, ao menos em São Paulo. (Foto: Reprodução)

Os laboratórios Sanofi e GSK anunciaram nesta quarta-feira (28) que disponibilizarão 200 milhões de doses de uma futura vacina contra a Covid-19 ao programa internacional Covax.

A iniciativa foi criada pela OMS (Organização Mundial de Saúde) com o objetivo de ajudar a garantir um acesso equitativo às futuras vacinas contra a doença. O Brasil faz parte da Covax.

Em comunicado, os laboratórios francês Sanofi e britânico GSK afirmam ter assinado uma “declaração de intenções” com o Gavi, o administrador jurídico do mecanismo internacional de compras Covax, para “garantir a cada país participante um acesso justo e equitativo às possíveis vacinas contra a Covid-19”.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Saúde

Confiança da indústria brasileira atinge o maior nível desde abril de 2011, diz a Fundação Getulio Vargas
Aprovação do Renda Cidadã em 2020 depende de solução fiscal, avalia o presidente da Câmara dos Deputados
Deixe seu comentário
Pode te interessar