Quarta-feira, 12 de Maio de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Mostly Cloudy / Wind

Economia Nubank usa reconhecimento facial para liberar transferências de alto valor no sistema Pix

Compartilhe esta notícia:

Transferências com biometria facial visam evitar fraudes. (Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

O Nubank enviou um e-mail para seus clientes divulgando que é possível definir limites máximos para Pix, conforme regra do Banco Central. Além disso, as transferências instantâneas de alto valor deverão ser confirmadas por reconhecimento facial, com o objetivo de combater fraudes.

Em comunicado ao Tecnoblog, o Nubank explica que “disponibilizou uma funcionalidade de segurança para transações Pix, que faz a validação automática do usuário por meio de reconhecimento facial”.

Segundo a fintech, a ferramenta antifraude já está disponível para todos os clientes que fizerem operações Pix de alto valor, tanto no iPhone como no Android. “Essa camada de proteção adicional garante que só o cliente Nubank possa realizar as transações, de forma segura”, afirma a empresa.

Na maioria dos casos, o app vai liberar transações via Pix apenas mediante a senha de 4 dígitos do cartão. A biometria facial será exigida apenas quando a transferência envolver uma quantidade substancial de dinheiro – especialmente se isso ultrapassar o limite máximo diário. O valor específico varia de acordo com o cliente.

Como funciona

O reconhecimento facial não é o mesmo usado para desbloqueio do celular, tal como o Face ID: trata-se de um fluxo próprio dentro do app, feito através de uma ferramenta da empresa americana FaceTec, que não exige instalação adicional.

Funciona assim: suponha que você possui um limite diário de R$ 500 para fazer Pix, mas decide realizar uma transferência de R$ 1 mil. Quando você tentar fazer isso, vai se deparar com este aviso: “antes de continuar, precisamos confirmar sua identidade”. O app pede que você retire máscara e óculos escuros para a biometria facial; as informações serão analisadas para então liberar a transação de alto valor.

O reconhecimento é relativamente simples: você enquadra seu rosto na área demarcada pelo app, olhando para a frente, e então aproxima o celular do rosto. Eu fiz o teste e minha identidade foi verificada de forma quase instantânea.

No e-mail aos clientes, o Nubank também menciona a funcionalidade Meu Limite Pix. É possível acessá-la seguindo estes passos:

– abra o app para iPhone ou Android e, na parte inferior, toque em Pix;
– digite a senha de 4 dígitos do cartão;
– insira o valor máximo diário para transferências com Pix;
– toque em Ajustar limite, insira novamente a senha do cartão, e pronto.

A fintech lembra que “transações consideradas suspeitas serão bloqueadas, mesmo dentro do limite diário”. Além disso, se você configurar um valor muito alto, isso pode ser negado; nesse caso, é possível definir um limite mais baixo e tentar novamente.

Desde 1º de abril de 2021, as instituições financeiras que participam do Pix devem oferecer uma forma de ajustar o limite diário para transações. Os usuários também podem usar a agenda de contatos para enviar dinheiro a quem cadastrou o número de celular como chave Pix.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Economia

Fiscalização interrompe festa com show e mais de 20 lanchas no mar em Santa Catarina
A valorização internacional das commodities petróleo, grãos e minério deve fazer com que o Brasil feche as contas externas em 2021 no azul, após 14 anos
Deixe seu comentário
Pode te interessar