Segunda-feira, 08 de Março de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Partly Cloudy

Rio Grande do Sul O governador gaúcho promete pagar em dia os salários de janeiro dos servidores estaduais

Compartilhe esta notícia:

O governador Eduardo Leite antecipou, nesta quinta-feira (21), que a folha de janeiro do funcionalismo estadual será quitada sem atraso para servidores ativos, inativos e pensionistas. Caso se confirme o anúncio, será o terceiro mês seguido em que o Executivo gaúcho consegue esse feito, interrompendo assim uma sequência de parcelamentos que há durava 57 meses (quase cinco anos).

Segundo fontes extraoficiais, o Palácio Piratini trabalha com um cenário no qual tem “bala na agulha” para manter os contracheques em dia pelo menos até abril deste ano.

Para isso, contribuem o fluxo de caixa assegurado pelo ingresso de receitas provenientes do pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e a continuidade das alíquotas de ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços), aprovada pela Assembleia Legislativa em dezembro do ano passado.

O anúncio foi feito por Eduardo Leite nesta quinta-feira (21), em discurso durante a cerimônia de entrega de 46 ônibus escolares para 41 municípios gaúchos. Esse lote tem por objetivo qualificar o transporte em regiões do Estado onde a moradia dos estudantes fica distante dos colégios. Segundo a Secretaria da Educação (Seduc), a medida beneficiará cerca de 10 mil alunos.

O evento contou com a presença dos secretários estaduais da Educação, Faisal Karam, e de Planejamento, Governança e Gestão, Claudio Gastal, além do deputado federal Carlos Gomes. Também compareceram o presidente substituto do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Gabriel Villar, e do diretor de Ações Educacionais do FNDE, Garigham Amarante.

Investimento

O investimento para a aquisição dos veículos foi de R$ 9,8 milhões. O recurso é oriundo do FNDE, pelo programa “Caminho da Escola”, do governo federal, que tem por finalidade renovar, padronizar e ampliar a frota de veículos escolares das redes públicas de educação básica.

Voltado a estudantes residentes, prioritariamente, em áreas rurais e ribeirinhas, o programa oferece ônibus fabricados especialmente para o tráfego nestas regiões, sempre visando à segurança e à qualidade do transporte. A compra foi feita mediante cessão de uso para os municípios contemplados.

Os veículos são da fabricante Iveco, no modelo Bus 10-190. Cada coletivo comporta 44 alunos sentados e um motorista e tem suspensão reforçada, o que reduz o balanço e permite acesso a lugares de relevo acidentado. Também oferece acessibilidade, contando inclusive com uma plataforma para receber estudantes cadeirantes.

“A segurança na educação também vem do transporte escolar”, salientou o governador. “Segurança de que o ônibus não vai estragar e de que o aluno vai chegar à escola. Por isso, agradeço à parceria do FNDE e do deputado federal Carlos Gomes que, somado aos esforços do Estado, trabalhou para que esses novos veículos chegassem aos municípios e às suas áreas rurais.”

(Marcello Campos)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

O Hospital da Criança do Grupo Conceição, em Porto Alegre, tem oito médicos infectados pelo coronavírus
Lula foi infectado pelo coronavírus em Cuba
Deixe seu comentário
Pode te interessar