Quinta-feira, 30 de junho de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Futebol Pela primeira vez, Fifa indica três mulheres como árbitras da Copa do Mundo

Compartilhe esta notícia:

O Brasil será representado pela auxiliar Neuza Inês Back. (Foto: Reprodução/Instagram)

A Copa do Mundo do Catar terá uma novidade histórica. A Fifa anunciou a lista de árbitros que irão apitar o Mundial e pela primeira vez na história a entidade escalou mulheres para apitar jogos do evento – o Brasil será representado pela auxiliar Neuza Back.

Três árbitras foram escolhidas como principais e irão comandar partidas: a francesa Stéphanie Frappart, a ruandesa Salima Mukansanga e a japonesa Yoshimi Yamashita. Outras três serão árbitras assistentes. Além de Neuza, a mexicana Karen Díaz Medina e a americana Kathryn Nesbitt.

Para a Copa, a Fifa convocou no total de 129 profissionais – 36 árbitros, 69 assistentes e 24 árbitros de vídeo, que serão os responsáveis pelo VAR.

“Escalamos árbitras mulheres pela primeira vez na história das Copas do Mundo. Isso conclui um longo processo que começou há alguns anos com o desenvolvimento de árbitras mulheres em torneios juvenis e de adultos da Fifa. Enfatizamos que é a qualidade que conta para nós, e não o gênero”, afirmou o ex-árbitro italiano Pierluigi Collina, presidente do Comitê de Arbitragem da entidade. “Espero que, no futuro, a seleção de árbitras mulheres da elite para torneios masculinos importantes seja percebido como algo normal, e não mais como algo sensacional.”

Neuza Back, de 37 anos, tem garantido participações importantes em sua carreira. Natural da cidade de Saudades, na região oeste de Santa Catarina, e formada em Educação Física, ela se mudou para Jundiaí (SP) de olho em maiores oportunidades e se filiou à Federação Paulista.

Ela trabalhou nos Jogos do Rio-2016 e de Tóquio-2020. Também esteve presente no Mundial de Clubes da Fifa de 2020. Além disso, foi auxiliar na Copa do Mundo Feminina de 2019, disputada na França.

No Brasil, a auxiliar foi escalada em inúmeras partidas do Paulistão, entre elas a decisão de 2020 entre Palmeiras e Corinthians, além de vários jogos das séries A e B do Brasileirão.

 

tags: em foco

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Futebol

Guardiola dispara contra críticas de ex-jogadores ao time do Manchester City
PSG confirma a saída de Dí Maria
Deixe seu comentário
Pode te interessar