Terça-feira, 26 de outubro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Brasil Quase 100 milhões de brasileiros já estão imunizados contra a covid-19

Compartilhe esta notícia:

252.233.258 doses já foram aplicadas desde o começo da vacinação, em janeiro. (Foto: Cristine Rochol/PMPA)

O Brasil tem 99.958.396 pessoas que tomaram a segunda dose ou a dose única de imunizantes contra covid-19, o que equivale a 46,86% da população com o esquema vacinal completo, segundo dados também reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa.

Os que tomaram a primeira dose e estão parcialmente imunizados são 149.805.979 pessoas, o que corresponde a 70,23% da população. Já a dose de reforço foi aplicada em 2.468.883 de pessoas.

Somando a primeira dose, a segunda, a única e a de reforço, são 252.233.258 doses aplicadas desde o começo da vacinação, em janeiro de 2021.

Taxa de transmissão

A taxa de transmissão (Rt) do Sars-CoV2 no Brasil é a menor registrada desde abril do ano passado, quando começou a ser aferida, de acordo com levantamento do Imperial College de Londres.

O índice de 0,60, anunciado nesta terça, indica que cem pessoas contaminadas transmitem a doença para outras sessenta e reverte a tendência de alta observada há duas semanas, quando chegou a 1,04.

De acordo com a margem de erro calculada pela universidade britânica, a taxa brasileira atual pode variar de 0,24 a 0,79. Quando está abaixo de 1 a taxa indica que a propagação do vírus está em declínio. O oposto ocorre quando ela está acima de 1, indicando aumento. A Rt é considerada uma das principais referências da evolução da pandemia de covid-19.

Entretanto, por ser uma média nacional, pode não ser muito fiel às realidades locais.

O levantamento estima que o Brasil deve registrar cerca de 1.600 mortes nesta semana (podendo variar de 942 a 1.820) — um pouco menos do que foi registrado na semana passada, 1.636.

Casos e óbitos

O Brasil registrou mais 176 mortes por covid-19 nas últimas 24 horas, com o total de óbitos chegando a 601.442 desde o início da pandemia.

Com isso, a média móvel de mortes nos últimos 7 dias ficou em 367 — a menor registrada em exatos 11 meses, desde 12 de novembro de 2020 (quando estava em 365). Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de -32% e aponta queda pelo terceiro dia seguido.

Em casos confirmados, desde o começo da pandemia, 21.588.245 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 7.151 desses confirmados no último dia.

A média móvel nos últimos 7 dias foi 12.759 novos diagnósticos por dia — a menor marca registrada desde 18 de maio de 2020 (quando estava em 12.397). Isso representa uma variação de -22% em relação aos casos registrados em duas semanas, o que indica queda nos diagnósticos.

Em seu pior momento a curva da média móvel nacional chegou à marca de 77.295 novos casos diários, no dia 23 de junho deste ano.

tags: em foco

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Criança é a única sobrevivente de acidente com canoa em Santa Catarina
Com feriadão, média de mortes por covid no Brasil fica abaixo de 400 após 11 meses
Deixe seu comentário
Pode te interessar