Quinta-feira, 13 de Agosto de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
13°
Light Rain

Mundo Trump culpou o teleprompter após afirmar que aeroportos já existiam no século 18

Compartilhe esta notícia:

O erro ocorreu em discurso do Dia da Independência; o primeiro voo foi em 1903. (Foto: Reprodução)

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, culpou, na sexta-feira (5), o tempo chuvoso e o mau funcionamento do teleprompter por um erro cometido durante seu discurso no Dia da Independência dos Estados Unidos.

No evento “Salute to America” (“Saudação à América”), que ocorreu sob chuva, em Washington, o presidente americano fez uma referência a aeroportos — que não existiam na época da Revolução Americana.

“Tivemos muita chuva”, disse Trump a repórteres. “Eu fiquei na chuva. O teleprompter saiu do ar. O teleprompter continuou saindo do ar e, no final, desligou por completo”, disse.

Em seu discurso de 4 de Julho, o presidente lembrou a criação do Exército pelo Congresso Continental em 1775. “O Exército Continental sofreu um inverno amargo em Valley Forge, encontrou a glória pelas águas do Delaware e conquistou a vitória de Cornwallis de Yorktown”, disse.

Remontando a “junho de 1775”, Trump falou das batalhas travadas pelas tropas das colônias americanas: “Nosso Exército derrubou as muralhas, tomou o controle dos aeroportos, fez tudo o que tinha de fazer”.

Curiosamente, no mesmo discurso, citou a façanha dos irmãos Wright, pioneiros da aviação americana que fizeram o primeiro voo motorizado em 1903.

Ouvintes atentos a seu discurso apontaram outro erro nesse mesmo trecho, quando Trump citou a batalha pelo controle de Fort McHenry, ocorrida durante a guerra anglo-americana (1812-1815), e não na guerra da Independência.

“Não é simples quando você está diante de milhões e milhões de pessoas na televisão”, alegou, nos jardins da Casa Branca.

Ainda que tenha assumido o erro, o republicano insistiu que “conhecia muito bem o discurso”.

“Imagino que a chuva tenha danificado o teleprompter, mas eu sabia muito bem o discurso e consegui fazer sem ele”, acrescentou.

“Apesar da chuva, foi uma noite fabulosa”, completou, destacando que “muita gente”, estimulada pela cerimônia, “vai ingressar nas Forças Armadas”.

4 de Julho

O 4 de Julho marca o Dia da Independência, durante o qual, em 1776, treze colônias britânicas fundaram os Estados Unidos da América.

Todos os anos, milhares de pessoas se reúnem para celebrar esse aniversário nos enormes jardins do National Mall, a grande esplanada de Washington, cercada de museus e de monumentos oficiais.

Desta vez, Trump pronunciou um discurso em “homenagem aos Estados Unidos” e seu Exército, intercalado com marcha militar e o voo de aviões de combate.

 

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

A Califórnia pediu estado de emergência após terremoto mais forte em 20 anos
O México ordenou a prisão de ex-diretor da “Petrobras” deles, acusado de receber propina da Odebrecht
Deixe seu comentário
Pode te interessar