Últimas Notícias > CAD1 > O mercado financeiro prefere Bolsonaro no comando do País

Mercado de arroz fecha ano comercial com saldo positivo de exportações

Dados são relativos ao ano comercial que vai de março de 2017 a fevereiro de 2018. (Foto: Reprodução)

As exportações de arroz somaram 794 mil toneladas entre março de 2017 e fevereiro de 2018, enquanto as importações ficaram em 758 mil toneladas no mesmo período contabilizando superávit de 35,9 mil toneladas. Os dados são do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços. Gustavo Ludwig, gerente do projeto Brazilian Rice, desenvolvido pela Abiarroz em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos – Apex-Brasil, destaca que o Peru e os Estados Unidos foram alguns dos países que surpreenderam pela demanda no produto nacional. Além disso, Venezuela, Cuba, Senegal e Nicarágua também registraram grandes volumes em 2018.

– Os países que mais se destacaram na importação do arroz beneficiado brasileiro foram o Peru, que importou 47,8 mil toneladas de arroz branco, frente a 31,2 mil toneladas no mesmo período do ano anterior; e os Estados Unidos, mercado altamente exigente que aumentou os volumes comprados do Brasil, tanto em arroz branco quanto parboilizado, passando de 19 para 21 mil toneladas no período – afirma.

O projeto Brazilian Rice conta com extensa agenda de ações para o biênio 2018 – 2020 focando esforços em promoção comercial nesss mercados, entre outros, além de capacitar as empresas para o comércio exterior.

Brazilian Rice

O projeto Brazilian Rice tem como objetivo a promoção comercial do arroz brasileiro e seus derivados no mercado internacional. Trabalha para aumentar as exportações brasileiras de arroz beneficiado e dos produtos brasileiros produzidos a partir deste cereal. Instituído em 2012, o projeto é desenvolvido por meio de uma parceria entre a Associação Brasileira da Indústria do Arroz – Abiarroz e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos – Apex-Brasil.

Deixe seu comentário: