Últimas Notícias > Notícias > Mundo > O Uruguai tem falta de maconha: a produção não é suficiente para abastecer os mais de 47 mil consumidores registrados

OMS declara emergência internacional para surto de Ebola

Surto de Ebola é o segundo maior de todos os tempos. (Foto: Samaritan's Purse/AP)

O surto de ebola na República Democrática do Congo (RDC) tornou-se emergência internacional de saúde pública nesta quarta-feira (17). A declaração foi dada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que classificou o surto como “emergência de saúde pública de interesse internacional”, utilizado para epidemias mais graves que podem se espalhar para outros países.

Declarado oficialmente em agosto do ano passado, o surto é considerado o segundo maior da doença de todos os tempos, sendo menor apenas do que o que acometeu a África Ocidental (Guiné, Libéria, Serra Leoa) em 2014 e 2015. Na segunda-feira (15), a OMS já havia informado que mais de 1.600 pessoas morreram desde o início do surto de ebola no leste do Congo, há um ano.

A doença



Ebola é uma febre grave do tipo hemorrágico transmitida por um vírus do gênero Filovirus, altamente infeccioso, que desenvolve seu ciclo em animais. Os especialistas defendem a hipótese de que a transmissão dos animais infectados para os seres humanos ocorre pelo contato com sangue e fluidos corporais, como sêmen, saliva, lágrimas, suor, urina e fezes. Depois disso, o vírus pode ser transmitido pelo contato direto entre as pessoas ou pelo uso compartilhado de seringas.

Deixe seu comentário: