Segunda-feira, 20 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Fair

Rio Grande do Sul Quase 50 mil pessoas já utilizam o documento do veículo no celular

A versão eletrônica do CRLV traz todas as informações do documento impresso e tem a mesma validade jurídica do CRLV físico

Foto: Fernanda Alves/DetranRS

Quase 50 mil pessoas já utilizam o CRLV-e no celular. A novidade foi lançada no Estado no dia 6 de novembro, juntamente com o portal rs.gov.br, que concentra os serviços digitais oferecidos ao cidadão pelos órgãos de governo. Em todo Brasil, cerca de 1 milhão de proprietários de veículos usam a versão virtual do documento de licenciamento.

Somente o CRLV (documento recebido anualmente após o pagamento do IPVA e seguro obrigatório) pode ser baixado no celular. O CRV, documento de propriedade, continua sendo disponibilizado em papel.

O documento virtual pode ser gerado em um smartphone ou outro dispositivo móvel pelo aplicativo gratuito Carteira Digital de Trânsito, desenvolvido pelo Serpro para o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) e viabilizado, no RS, pela Procergs e pelo DetranRS. Assim como a CNH Digital, a versão eletrônica do CRLV traz todas as informações do documento impresso e tem a mesma validade jurídica do CRLV físico.

Para ter o documento digital, o proprietário do veículo licenciado no RS deverá baixar o app no Google Play e App Store e fazer o cadastramento. Tanto a CNH quanto o CRLV digital poderão ser acessados pelo dispositivo móvel mesmo off-line, ou seja, sem internet. Lançada em dezembro de 2017, a CNH digital já é utilizada por 365 mil pessoas no RS.

Compartilhamento

O CRLV-e pode ser compartilhado com até cinco pessoas que utilizam o mesmo veículo, desde que ela já tenha instalado, em seu dispositivo móvel, o aplicativo CDT. Quando o proprietário do veículo não quiser mais compartilhar o documento, basta cancelar a opção no app.

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Compartilhe esta notícia:

Servidores da segurança protestam contra pacote do governo do Estado
Área da saúde do Rio Grande do Sul recebe R$ 213,2 milhões do governo federal para ampliar atendimento
Deixe seu comentário
Pode te interessar