Domingo, 19 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
32°
Fair

CAD1 Ronaldinho Gaúcho paga uma multa milionária e volta aos Estados Unidos

Recentemente, o ex-jogador de futebol foi nomeado embaixador do turismo brasileiro pelo governo federal. (Foto: Reprodução/Instagram)

Foram dez meses sem botar os pés premiados fora do País. Mas, após pagar uma multa ambiental de R$ 6 milhões e retomar seus passaportes brasileiro e espanhol, Ronaldinho Gaúcho já curte a vida em Miami, nos Estados Unidos, onde tem imóveis e negócios.

O pagamento de um acordo foi feito no início de outubro e assim o Supremo Tribunal Federal liberou os documentos do ex-jogador e de seu irmão, o empresário Roberto Assis Moreira. R10 desembolsou R$ 6 milhões para o pagamento da multa, que inicialmente era de R$ 8,5 milhões, mais R$ 50 mil para a recuperação do local onde o dano foi feito.

Em janeiro, Ronaldinho e Assis tiveram os passaportes apreendidos, tentaram recurso, mas foi negado. os dois foram sentenciados a pagar a multa proveniente de danos ambientais após uma construção feita pelos dois, em 2015, de um trapiche, com plataforma de pesca e atracadouro, na orla do rio Guaíba, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

O ex-jogador passou os últimos meses sem poder participar de eventos esportivos internacionais que, segundos, seus advogados, seriam sua maior fonte de renda atualmente. A última viagem ao exterior tinha sido em dezembro para a Costa do Marfim.

Já em Miami, Gaúcho foi fotografado na boate Wall Lounge ao lado de amigos e fãs. O ex-jogador tem compromisso dia 29 em Israel, ao lado de estrelas como Bebeto, Kaká e Rivaldo, para participar do Shalon Game, um jogo amistoso contra um time israelense. Logo depois, no dia 5 de novembro, ele vai para Lisboa, em Portugal, lançar um novo produto.

Embaixador do Turismo

Recentemente, o ex-jogador de futebol foi nomeado embaixador do turismo brasileiro pelo governo federal.

A nomeação foi anunciada pela Embratur, ou Instituto Brasileiro de Turismo, que afirmou que o craque é um voluntário e ajudará em campanhas de incentivo ao turismo. Na página oficial do órgão, Ronaldinho disse que sua missão é recuperar a imagem do Brasil internacionalmente.

Além de Ronaldinho Gaúcho foram nomeados embaixadores do turismo brasileiro o cantor Amado Batista, a dupla sertaneja Bruno & Marrone, o biólogo Richard Rasmussen e o lutador de jiu-jitsu Renzo Gracie.

Segundo a Embratur, trata-se de uma “demonstração de patriotismo e responsabilidade com o futuro do Brasil, sem qualquer interesse de financiamento, diferente do que ocorria com a classe nos governos anteriores”.

A expectativa da Embratur é que, ao final do governo Bolsonaro, o número de turistas internacionais no país dobre do atual número de 6 milhões anuais.

Voltar Todas de CAD1

Compartilhe esta notícia:

Tabelionatos gaúchos promovem debates em Porto Alegre sobre a atividade extrajudicial
Os jogadores do Flamengo lamentam não jogar a final da Libertadores no Maracanã
Deixe seu comentário
Pode te interessar