Segunda-feira, 27 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Fair

Rio Grande do Sul A Secretaria de Inovação do Rio Grande do Sul apresenta os primeiros resultados do Inova RS

Secretário Luís Lamb lançou o projeto em todas as regiões do Estado.

Foto: Gustavo Mansur/Secom
Secretário Luís Lamb lançou o projeto em todas as regiões do Estado. (Foto: Gustavo Mansur/Secom)

Representantes de oito regiões do Estado para o evento de avaliação e reconhecimento do Inova RS estarão reunidos em Porto Alegre na quarta-feira (11). A iniciativa é da Sict (Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia).

O programa visa incluir o Estado no mapa global da inovação a partir da construção de parcerias estratégicas entre a sociedade, setores empresarial, acadêmico e governamental das regiões Metropolitana e Litoral Norte; Sul; Fronteira Oeste e Campanha; Central; Noroeste e Missões; Produção e Norte; Serra e Hortênsias; e região dos Vales.

Desde o lançamento do Inova RS, em agosto, a equipe da Sict, acompanhada do secretário Luís Lamb, esteve em todas as regiões, formando os comitês estratégico e técnico, responsáveis pelo mapeamento dos desafios locais e execução dos projetos de solução com foco em inovação.

No dia 11, Lamb recebe, no Tecnopuc, os agentes de inovação dessas localidades para que apresentem os primeiros resultados do trabalho. “Percorremos todo o Estado, dialogamos com representantes de universidades, prefeituras, empresas e da sociedade. Trabalhamos juntos no mapeamento de ecossistemas regionais de inovação, auxiliamos nas conexões entre a academia, empresas, governos. Esse é o modelo de desenvolvimento da nova economia e ficamos muito felizes com a maturidade e o engajamento das regiões do Estado”, afirma Lamb.

O secretário destaca que o RS tem grande parte da produção científica do país e precisa direcioná-la para os negócios do século 21, que são baseados em conhecimento. “Essa foi a nossa primeira missão com o Inova RS: apoiar a conexão da indústria com a pesquisa e a tecnologia. Muitos ecossistemas estão avançados nesse sentido. Agora é uma questão de aprimorar o planejamento e avançar nas realizações”, afirma o secretário.

O evento anual de avaliação e reconhecimento do Inova RS tem como objetivo valorizar o empenho de todas as pessoas que dedicaram tempo e recursos próprios para pensar em soluções para o Rio Grande do Sul, em diferentes áreas como educação, saúde, agronegócio.

“Recentemente estivemos na Suécia, Estônia e Israel e o modelo do Inova RS, de atuação ente quádrupla hélice da inovação, foi muito elogiado. Nosso Estado é empreendedor, temos algumas das maiores empresas do país, grandes universidades, um bioma muito importante estrategicamente e um povo trabalhador. Somando esses esforços, temos certeza de que venceremos barreiras e daremos um salto no desenvolvimento”, completa Lamb.

Inova RS em números

8 regiões participantes; mais de 180 cidades envolvidas; mais de 1.400 pessoas mobilizadas; mais de 7 mil quilômetros percorridos pelo Estado, de agosto a novembro, para as reuniões de trabalho nas regiões; e mais de 200 pessoas envolvidas nos comitês estratégico e técnico das regiões.

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Compartilhe esta notícia:

Operação Papai Noel reforça fiscalização do comércio
Tatá Werneck posta foto fofa e responde seguidora após comentário sobre beleza de Clara Maria
Deixe seu comentário
Pode te interessar