Segunda-feira, 24 de junho de 2024

Porto Alegre

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui


Variedades “A primeira coisa que faço ao acordar é fumar um baseado”, diz Luana Piovani

Compartilhe esta notícia:

Apresentadora comentou que substância ajuda a acalmar a cabeça e a dar conta das tarefas cotidiana. (Foto: Reprodução)

A apresentadora Luana Piovani, de 47 anos, comentou que costuma fumar cigarro de maconha todos dias assim que acorda. Segundo ela, o uso traz calma e ajuda a manter a cabeça nos trilhos para dar conta de todas as tarefas e demandas do cotidiano.

“Ela [a maconha] abre uma porta de cumplicidade minha para comigo. Eu consigo ouvir a minha intuição melhor, eu me silencio mais”, disse ela em entrevista à revista Breeza, especializada no universo da cannabis. “A primeira coisa que eu faço quando acordo é fumar um baseado, antes de acordar os meus filhos. Eu acordo e, antes de acordar os meus filhos, fumo um baseado ou a ponta que ficou ali, e aí eu começo meu dia. Porque eu já acordo ai a Timbalada dá uma pausa, vai tomar água, daí eu vou olhar minha agenda, vejo se aquilo tá combinando com o meu humor do dia”

Luana explicou que não fuma um cigarro inteiro de maconha logo de manhã, apenas dá tragos no que enrolou na noite anterior. Em uma conta rápida, ela avaliou que chega a fumar de um a dois baseados por dia. Porém, esse número pode aumentar se ela estiver vivendo um momento de muito estresse na vida.

“Normalmente eu não faço um baseado de manhã, né? Eu vou fumar a ponta do que ficou de ontem. Daí [ao longo do dia] eu vou fazer meu primeiro baseado, daí eu vou malhar, vou fazer minha ioga ou vou ler, vou estudar um pouco, e assim vai […] Eu acho que eu fumo uns dois baseados por dia em épocas normais. Em épocas de BO [problemas], eu fumo uns quatro, cinco”.

Para além das propriedades medicinais da cannabis, Luana Piovani também gosta de consumir cigarro de maconha em momentos de recreação. Segundo ela, um baseado após uma relação íntima é bem-vindo.

“Curto muito, curto muito, mas meu namorado não fuma. Desperta todos os sentidos, e é por isso que eu gosto da maconha, porque ela restabelece meu modus operandi, eu consigo amenizar a minha inquietude e consigo aflorar o que em mim tem de melhor, que é a minha criatividade, minha imaginação, minha sensibilidade. Então tudo é bom… ouvir música, estudar, dançar, namorar, se arrumar pra encontrar o namorado”, conclui Luana.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Variedades

Caio Blat fala sobre acordos na relação com Luisa Arraes e o flagra da atriz com outro
Filme com polêmica cena de sexo entre Daniel Filho e Dennis Carvalho é restaurado
https://www.osul.com.br/a-primeira-coisa-que-faco-ao-acordar-e-fumar-um-baseado-diz-luana-piovani/ “A primeira coisa que faço ao acordar é fumar um baseado”, diz Luana Piovani 2024-05-24
Deixe seu comentário
Pode te interessar