Sábado, 19 de Setembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
14°
Cloudy

Dicas de O Sul Andrea Bocelli canta sozinho na Catedral de Milão

Compartilhe esta notícia:

Andrea Bocelli faz concerto sem público na catedral.

Foto: Reprodução/YouTube
Andrea Bocelli faz concerto sem público na catedral. (Foto: Reprodução/YouTube)

Com os italianos isolados em casa por causa da mais grave pandemia em um século, o tenor Andrea Bocelli fez neste domingo (12) uma histórica apresentação na Catedral de Milão e levou um pouco de arte para uma Páscoa marcada pela tristeza do distanciamento.

O astro italiano foi convidado pela administração do Duomo e pela Prefeitura de Milão, com o objetivo de passar uma mensagem de amor e esperança para seu país e para o restante do mundo.

O repertório sacro escolhido por Bocelli incluiu os hinos “Panis Angelicus”, “Ave Maria”, “Sancta Maria” e “Domine Deus” e encheu de emoção os ambientes vazios da monumental catedral gótica da capital da Lombardia, a região mais atingida pela pandemia na Itália.

O tenor ainda encerrou a apresentação com uma versão de “Amazing Grace”, de John Newton, em uma Piazza del Duomo completamente vazia, enquanto a transmissão mostrava outras cidades do mundo sem pessoas nas ruas por causa do coronavírus.

Ainda antes do espetáculo, Bocelli, que é católico, disse que o evento não seria um concerto, mas sim uma “ocasião para rezar juntos por meio da música”. “Aceitei sem um instante de hesitação. Aliás, agradeço a Milão e ao Duomo pelo convite para essa extraordinária ocasião. O canto pode ser uma forma de oração, e esse é meu objetivo”, afirmou.

Segundo o tenor, os artistas carregam a “honra de uma grande responsabilidade”, principalmente “nos momentos mais delicados e de maior incerteza”. “A música continua sendo um instrumento privilegiado, é uma linguagem universal”, declarou.

Acostumado a públicos multitudinários, Bocelli foi acompanhado apenas pelo organista da Catedral de Milão, Emanuele Vianelli. Agora, em meio ao distanciamento social, o tenor continua estudando e treinando a voz para estar pronto para o retorno. “Assim que for possível”.

Concerto conjunto no dia 18

Além de oferecer o concerto de páscoa neste domingo (12), no próximo sábado (18) Andrea Bocelli participa também de outro show online, para arrecadar fundos na luta contra o novo coronavírus, em uma iniciativa da OMS (Organização Mundial da Saúde), em parceria com a cantora Lady Gaga e a Instituição Global Citizen.

O anúncio foi feito nesta semana pela OMS e pela cantora durante coletiva de imprensa. O festival digital “One World: Together At Home” (“Um Mundo: Juntos em Casa”, em português) exibirá uma série de shows em diversas plataformas, incluindo YouTube, Facebook, Instagram e Twitter.

Além de Bocelli e Gaga, a programação inclui vários outros artistas como Paul McCartney, Elton John, Billie Eilish e Finneas, Lizzo, Stevie Wonder, John Legend, Chris Martin, Eddie Vedder, Kacey Musgraves, J Balvin, Keith Urban, Alanis Morissette, Lang Lang, Billie Joe Armstrong, Burna Boy e Maluma.

Toda verba arrecadada será destinada aos profissionais de saúde e instituições de caridades locais e regionais que estão contribuindo no combate ao vírus. Ela ainda explicou que na última semana, a indústria do entretenimento já conseguiu cerca de R$35 milhões.

“Agradeço à OMS por sua liderança na luta contra a Covid-19 e a todos os trabalhadores da saúde nos Estados Unidos e no resto do mundo”, afirmou a cantora, ressaltando que seu “coração está com todos os médicos”.

Conforme o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, a pandemia da covid-19 continua afetando pesadamente famílias, comunidades e nações do mundo inteiro. “Mas também está dando origem a atos incríveis de generosidade, solidariedade e cooperação”, completou.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Dicas de O Sul

Felipe Simas está com coronavírus isolado dos três filhos pequenos
Papa pede união para enfrentar pandemia na missa do Domingo de Páscoa
Deixe seu comentário
Pode te interessar