Quarta-feira, 19 de junho de 2024

Porto Alegre
Porto Alegre, BR
18°
Thunderstorm

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui


Cinema e TV Documentário com novas acusações de abuso sexual contra ator Kevin Spacey chega ao streaming

Compartilhe esta notícia:

Spacey (foto) foi absolvido de nove acusações em 2023; relatos na produção nunca foram feitos antes

Foto: Daniel Zuchnik/WireImage
Spacey foi absolvido de nove acusações em 2023; relatos na produção nunca foram feitos antes. (Foto: Reprodução)

O documentário “Kevin Spacey: A História Não Contada” entrou para o catálogo da Max nesta segunda-feira (13). A obra reúne testemunhos de 10 homens que alegam terem sido agredidos sexualmente pelo ator vencedor de dois Oscars por “Os Suspeitos” (1995) e “Beleza Americana” (1999).

A produção promete um “olhar forense” sobre a ascensão de Spacey à fama e as acusações que o fizeram ser excluído de Hollywood e ser afastado da série “House of Cards”, da Netflix, em 2017.

“Com relatos exclusivos, vários homens compartilham suas histórias publicamente pela primeira vez”, escreveu a Max ao divulgar a data de estreia da produção.

Os homens que aparecem no documentário não estavam envolvidos no julgamento ocorrido em Londres que considerou o ator inocente de nove acusações em julho de 2023. Antes de chegar ao streaming, o documentário foi ao ar em uma canal de TV do Reino Unido, e Kevin Spacey usou as redes sociais para falar sobre o assunto.

“Durante a última semana, solicitei repetidamente que Channel 4 me concedesse mais de 7 dias para responder às alegações feitas contra mim há 48 anos e me fornecesse detalhes suficientes para investigar estas questões”, disse o ator.

“O Channel 4 recusou com base no fato de considerar que pedir uma resposta no prazo de 7 dias a alegações novas, anônimas e não específicas é uma ‘oportunidade’ para eu refutar quaisquer alegações feitas contra mim”, continuou.

“Não vou ficar sentado e ser atacado por um ‘documentário’ unilateral de uma rede moribunda sobre mim, em sua tentativa desesperada de obter audiência. Existe um canal adequado para lidar com as acusações contra mim e não é no Channel 4. Cada vez que me foi dado tempo e um fórum adequado para me defender, as alegações falharam no escrutínio e fui exonerado”, acrescentou. 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Cinema e TV

Roberto Carlos doa renda de show do Dia das Mães em Santos para vítimas de enchentes no Rio Grande do Sul
É falso que Felipe Neto tenha superfaturado valor de purificadores de água enviados para o RS
https://www.osul.com.br/documentario-com-novas-acusacoes-de-abuso-sexual-contra-ator-kevin-spacey-chega-ao-streaming/ Documentário com novas acusações de abuso sexual contra ator Kevin Spacey chega ao streaming 2024-05-13
Deixe seu comentário
Pode te interessar