Quinta-feira, 04 de Março de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
25°
Cloudy

Polícia Em Gravataí, polícia prende criminoso por receptação de veículo

Compartilhe esta notícia:

Abordagem ocorreu após denúncia de alta velocidade pela Freeway.

Foto: PRF/Divulgação
Abordagem ocorreu após denúncia de alta velocidade pela Freeway. (Foto: PRF/Divulgação)

A Polícia Rodoviária Federal prendeu um criminoso na BR 290, em Gravataí, por dirigir uma EcoSport em ocorrência de apropriação indébita.

Os policiais foram alertados na tarde desta quarta-feira (27), pela concessionária da rodovia, sobre o deslocamento de uma camioneta em altíssima velocidade. Os policiais localizaram o carro e realizaram a abordagem.

Durante a inspeção, foi verificado que o veículo estava em ocorrência de  apropriação indébita desde julho de 2020. Ele pertence a uma locadora, e não foi entregue após o período contratado.

Na ação foi preso o motorista, de 31 anos, morador de Gravataí, com antecedentes por receptação. Ele disse aos policiais que havia alugado o veículo de uma pessoa que não sabe identificar, por R$ 800 semanais, e que não possuía nenhum documento da transação. A ocorrência foi encaminhada à polícia judiciária local.

Placas trocadas

Nesta quarta-feira (27), a Polícia Rodoviária Federal apreendeu um Nissan/Pathfinder que utilizava as placas de um Fox. A ação ocorreu na BR 116, em Camaquã.

Os policiais realizavam o patrulhamento na rodovia quando pararam para auxiliar o motorista de uma Pathfinder que estava em pane no acostamento. Ao consultarem os sistemas, verificaram que as placas pertenciam a um Fox.

O motorista, de 60 anos, foi encaminhado à área judiciária em Camaquã para o registro da ocorrência por adulteração de sinal identificador de veículo. Ele disse que não sabia que as placas estavam trocadas.

O carro foi removido para o depósito credenciado e as placas apreendidas.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Polícia

A prefeitura de Cachoeirinha demitiu uma funcionária que mentiu sobre ter sintomas do coronavírus para faltar ao trabalho
A prefeitura de Passo Fundo identificou uma possível fraude na vacinação contra o coronavírus na cidade
Deixe seu comentário
Pode te interessar