Sexta-feira, 10 de Abril de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
17°
Fair

Geral Equipes já retiraram mais de 1 mil toneladas de entulho de vias de Porto Alegre desde o temporal de sexta-feira

Rajada máxima de vento medida por estação meteorológica foi de 120 quilômetros por hora. (Foto: Lucas Uebel/o Sul)

Informações divulgadas nessa segunda-feira pelo Ceic (Centro Integrado de Comando) de Porto Alegre dão conta de que mais de 1 mil toneladas de entulho já foram retiradas de ruas e avenidas da capital gaúcha desde a forte tempestade que atingiu a cidade na noite de sexta-feira. Foram recolhidas, nessa segunda-feira, pelo Departamento Municipal de Limpeza Urbana, 460 toneladas de resíduos. Outras 740 foram retiradas durante o final de semana.

Ainda nessa segunda-feira, o diretor-presidente da EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação), Vanderlei Cappellari, informou que “esperamos que até as 20h de amanhã [2 de fevereiro], o trânsito normalize totalmente, com sinaleiras e ruas liberadas”. A EPTC informou em seu Twitter oficial que, por volta das 19h10min dessa segunda-feira, 33 sinaleiras permaneciam sem energia na cidade e 32 vias ainda estavam totalmente ou parcialmente bloqueadas por árvores que caíram durante a tempestade de sexta-feira.

Vento
O fenômeno, classificado como um downburst, uma “explosão atmosférica” provocou grande destruição na capital gaúcha. A rajada máxima de vento medida por estação meteorológica foi de 120 quilômetros por hora, no Instituto Nacional de Meteorologia no Jardim Botânico. No aeroporto Salgado Filho, o vento máximo foi de 87 quilômetros por hora. Para a informação de danos, a população pode contatar a prefeitura pelo telefone Fala Porto Alegre – 156. A Defesa Civil atende pelo número 199.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Geral

Todos os clientes da CEEE que permaneceram sem luz por mais de quatro horas consecutivas receberão descontos na fatura
Tentativa para reerguer o barco Cisne Branco em Porto Alegre continua nesta terça
Deixe seu comentário
Pode te interessar