Quinta-feira, 29 de Outubro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
17°
Cloudy

Rio Grande do Sul Governo do Rio Grande do Sul prepara regras para liberação de eventos de maior porte, mas condiciona ao retorno das aulas

Compartilhe esta notícia:

No começo desta semana, o Gabinete de Crise deu aval para a realização de quatro eventos de grande porte, como o Natal Luz

Foto: Cleiton Thiele/Divulgação
No começo desta semana, o Gabinete de Crise deu aval para a realização de quatro eventos de grande porte, como o Natal Luz. (Foto: Cleiton Thiele/Divulgação)

O governo do Rio Grande do Sul confirmou nesta terça-feira (29) que serão divulgadas na próxima semana as regras para a liberação de eventos de maior porte – como atividades culturais, feiras e shows.

As medidas valem para os municípios localizados em regiões que estejam há duas semanas consecutivas com bandeira laranja (risco epidemiológico médio) ou amarela (risco baixo). Porém, o Estado condicionou essa retomada ao retorno das aulas.

Segundo o governo, a medida será possível em virtude da redução de hospitalizações e de óbitos causados pela Covid-19 em todas as regiões. O Estado indica que, nas últimas duas semanas, novos registros de diagnóstico confirmado da doença caíram 25%, de 1.016 para 793. Entre as duas últimas quintas-feiras, o número de óbitos causados pela doença reduziu 19%, de 338 para 273.

“Há uma clara redução na incidência da doença no Estado. Por isso, temos dado, passo a passo, algumas condições para o retorno de algo próximo à normalidade como conhecíamos”, ressaltou o governador Eduardo Leite em nota.

No entanto, o governo gaúcho afirma que irá exigir do município que planeja permitir a realização de um evento cultural um plano para os protocolos sanitários essenciais do retorno às aulas. Segundo o Estado, essa obrigação tem como intuito estabelecer uma escala de prioridades para o retorno.

“Temos uma prioridade na questão das liberações. Faremos a liberação para eventos somente em municípios nos quais as aulas presenciais já estiverem retornando. Não faz sentido haver liberação de eventos sem ter havido o retorno das aulas. É importante priorizar o ensino, a aprendizagem de nossas crianças e jovens, em relação a outros tipos de atividades”, afirmou Leite.

Em decreto publicado na segunda-feira (21), o governo do Estado liberou, com restrições, atividades de natureza corporativa. No começo desta semana, o Gabinete de Crise deu aval para a realização de quatro eventos de grande porte: Festuris (Festival Internacional de Turismo), a Feira de Calçados e Acessórios Zero Grau e o Natal Luz, todos em Gramado, e a Feira de Inovação Industrial, em Caxias do Sul. Com exceção do Natal Luz, esses eventos ocorrem no mês de novembro.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Casal de traficantes é preso em mais uma edição da Operação Anjos da Lei em Sapucaia do Sul
Ministério da Saúde libera 14 milhões de reais para ações contra a pandemia de coronavírus no Rio Grande do Sul
Deixe seu comentário
Pode te interessar