Sexta-feira, 10 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
18°
Fair

Capa – Caderno 1 Inscrição para castração de animais será nesta quarta-feira

Compartilhe esta notícia:

O serviço é voltado a tutores de animais com cadastro no NIS. (Foto: Joel Vargas/PMPA)

A DGDA (Diretoria Geral de Direitos Animais) receberá nesta quarta-feira (16)  inscrições para a castração de cães e gatos (machos e fêmeas).

Os interessados devem registrar protocolo pelo telefone 156 da prefeitura, e os procedimentos, de até cinco animais por tutor, serão realizados na Usav (Unidade de Saúde Animal Victória) – Estr. Berico José Bernardes, 3489 – Planalto, em Viamão – da Smams (Secretaria Municipal do Meio Ambiente e da Sustentabilidade). A ação é voltada aos animais de famílias inscritas no Cadastro Único, mediante apresentação do NIS (Número de Identificação Social) ou Bolsa Família.

O agendamento será confirmado de acordo com a ordem de entrada dos protocolos. O solicitante será informado posteriormente sobre a data e o horário marcado para a realização da esterilização. O transporte dos animais até as instalações da Usav, na Lomba do Pinheiro (estrada Bérico José Bernardes, 3489), deve ser realizado exclusivamente pelos tutores, que deverão assinar termo autorizando a castração.

Balanço

“De janeiro a setembro deste ano, já foram realizados 3.456 procedimentos de esterilização”, lembra o gestor da DGDA, Bruno Wagner. A proposta da prefeitura é ampliar a oferta destes serviços com a contratualização do gerenciamento e operacionalização da Usav.

O número de castrações poderá superar 8 mil ao ano, permitindo serviços que hoje não são feitos, como cirurgias ortopédicas (240 por ano), exames diagnóstico (4.116 por ano), exames de imagem (2.760 por ano), sorologia FIV e Felv (240 por ano) e quimioterapia (240 por ano).

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Capa – Caderno 1

“Não somos justiceiros, somos defensores da Constituição”, diz o ministro do Supremo Marco Aurélio sobre julgamento da prisão após a segunda instância
“O PSL poderia ter acabado se não desse sigla a Bolsonaro”, diz líder do governo
Deixe seu comentário
Pode te interessar