Quinta-feira, 09 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
11°
Mostly Cloudy

Economia INSS autoriza transferência de pagamento de benefício para modalidade conta corrente

Compartilhe esta notícia:

Medida visa evitar ida ao banco para saques durante a pandemia

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Medida visa evitar ida ao banco para saques durante a pandemia. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Portaria do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) publicada nesta quarta-feira (29) autoriza a transferência do pagamento de benefícios da modalidade cartão magnético para conta corrente.

Segundo o INSS, a medida visa evitar o deslocamento de beneficiários até os bancos durante o período de pandemia de coronavírus. A solicitação da transferência do pagamento para a modalidade conta corrente deve ser feita através do site ou aplicativo Meu INSS.

“Para efetivação da transferência de que trata o caput deverá ocorrer o bloqueio do crédito que se encontra disponível e no prazo de validade, e reemissão do mesmo na conta corrente solicitada”, diz a portaria. O INSS acrescenta que está dispensada no requerimento de transferência a necessidade de autenticação de documentação.

Prorrogação automática de auxílio-doença

Em outra portaria publicada também nesta quarta-feira, o INSS autorizou a prorrogação automática dos benefícios de auxílio-doença enquanto perdurar o fechamento das agências e suspensão do atendimento presencial. A portaria fixa, entretanto, em 6 o ” limite máximo de pedidos de prorrogação que, ao serem efetivados, gerarão prorrogação automática do benefício”.

Atendimento nas agências do INSS está suspenso

O Instituto Nacional do Seguro Social suspendeu o atendimento presencial nas agências como medida de enfrentamento da epidemia do coronavírus, e esse prazo poderá ser prorrogado.

No período em que as agências estiverem fechadas, os pedidos de serviços previdenciários e assistenciais deverá ser feito, exclusivamente, por meio de dois canais: pela internet, em Meu INSS, e por telefone, na central de atendimento 135.

Segurados que fizerem requerimentos de auxílio-doença e BPC (Benefício de Prestação Continuada) para pessoa com deficiência devem enviar o atestado médico pelo Meu INSS. O documento será recepcionado pela perícia médica, que fará as devidas verificações.

Os agendamentos estão suspensos, inclusive de reabilitação profissional e serviço social, devendo ser reagendados apenas quando o atendimento nas agências for retomado. O INSS diz que está garantida, no entanto, a observância da data de entrada do requerimento.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Economia

Coronavírus faz otimismo com a economia brasileira e mundial despencar, mostra levantamento
O Supremo atende a pedido da Procuradoria-Geral da República para investigar declarações do ministro da Educação sobre a China
Deixe seu comentário
Pode te interessar