Terça-feira, 11 de Maio de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
24°
Mostly Cloudy / Wind

Rio Grande do Sul Já está em Porto Alegre um novo lote da vacina Coronavac, com quase 85 mil doses para todo o Estado

Compartilhe esta notícia:

Imunizantes devem chegar aos 497 municípios gaúchos em 48 horas. (Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini)

A Secretaria Estadual da Saúde recebeu no começo da noite desta quarta-feira (24) uma nova remessa com 84,2 mil doses do imunizante Coronavac, produzida pelo laboratório chinês Sinovac e que no Brasil conta com a parceria do Instituto Butantan-SP. Trata-se do sexto lote enviado ao Rio Grande do Sul pelo Ministério da Saúde em pouco mais de um mês.

Horas antes, já havia sido desembarcada em Porto Alegre a quinta remessa, com cerca de 135 mil ampolas de vacina produzida pela Universidade de Oxford com a farmacêutica europeia Astrazeneca e que no País é produzida em colaboração com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Rio de Janeiro.

Ambos os lotes devem ser reencaminhados de forma proporcional aos 497 municípios já a partir desta quinta-feira (25), com prioridade na aplicação da primeira ou segunda injeção ao público idosos. Os critérios mais específicos serão definidos pela Secretaria da Saúde de cada cidade, a partir das coordenadorias regionais do órgão.

Caminhão

Um caminhão-baú para transporte de vacinas e que mantém temperatura entre 2ºC a 8°C em sua área de carga foi entregue na tarde desta quarta-feira (24) à Secretaria Estadual da Saúde.

Conforme o Palácio Piratini, o veículo faz parte das aquisições para a rede de frio e é o segundo caminhão frigorífico previsto no Plano Estadual de Imunizações contra o coronavírus. A aquisição comprada com recursos repassados pelo governo federal para enfrentamento à pandemia de coronavírus.

O caminhão também será utilizado para o transporte de vacinas do calendário básico do plano de imunizações do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs), tanto nas imunizações de rotina como em campanhas de imuinização.

Para a adequação tecnológica das salas de vacinas dos municípios com menos de 100 mil habitantes, a SES comprou 350 câmaras de conservação de doses com recursos do Ministério da Saúde. A entrega deve ocorrer até o mês de março.

Também foram compradas câmaras de conservação para 19 municípios com mais de 100 mil habitantes. Foram adquiridas, ainda, câmaras frias de conservação de vacinas e computadores para 10 centrais municipais de rede de frio a serem selecionadas, conforme critérios técnicos, levando em conta a necessidade de qualificação das centrais de acondicionamento. Os computadores serão utilizados para controle de estoque.

Outra iniciativa confirmada foi o início do processo de compras para 40 câmaras de conservação de doses de vacinas para as Centrais Regionais de Rede de Frio.

(Marcello Campos)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

A prefeitura deve anunciar novas restrições às atividades em Porto Alegre
Câmara dos Deputados aprova às pressas tramitação de proposta que dificulta prisão de parlamentares
Deixe seu comentário
Pode te interessar