Quarta-feira, 15 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
Fair

Brasil Reforma da Previdência tem calendário confirmado na CCJ do Senado

Compartilhe esta notícia:

Segundo a senadora, o governo vai ter de escolher entre aprovar a PEC emergencial este ano com alterações ou deixar para 2020 com o conteúdo proposto pela equipe econômica. (Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)

A presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) no Senado, senadora Simone Tebet (MDB-MS), falou à imprensa, nesta quinta-feira (15), sobre a tramitação da reforma da Previdência na Casa. Além das audiências públicas, que serão realizadas entre os dias 20 e 22 deste mês, Tebet afirmou que a intenção é que a entrega da primeira versão do parecer seja feita já no dia 23, pelo relator, senador Tasso Jereissati.

Na sequência, ocorreria a leitura do relatório, no dia 28 de agosto, seguida de um pedido de vista coletiva regimental de uma semana. A expectativa é que a votação aconteça no dia 4 de setembro.

A presidente da CCJ ainda observa que pontos não contemplados no texto aprovado pela Câmara dos Deputados, como a situação de carreiras como policiais e magistrados, e a inclusão de estados e municípios, devem ser os principais alvos de conflitos. A senadora acredita que haverá uma grande pressão de representantes de categorias que querem tratamento diferenciado.

Tebet ainda aproveitou para esclarecer que não aceitarão pressão de parlamentares de oposição que afirmam que a votação não ocorrerá sem que o chamado pacto federativo avance. “Não existe toma lá dá cá”, salientou ela.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Renovado! Jean Pyerre prorroga contrato com Grêmio até 2023
CNJ lança Sistema Nacional de Adoção e Acolhimento
Deixe seu comentário
Pode te interessar