Sexta-feira, 15 de Janeiro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
26°
Fair

Porto Alegre Sebastião Melo ou Manuela D’Ávila: um destes dois comandará a prefeitura de Porto Alegre a partir de janeiro

Compartilhe esta notícia:

Sebastião Melo e Manuela D'Ávila. (Foto: Reprodução)

O segundo turno da disputa pela prefeitura de Porto Alegre (RS) será realizado neste domingo (29), tendo como adversários Sebastião Melo (MDB) e Manuela D’Ávila (PCdoB). Ele obteve 200.280 votos (31%) na primeira etapa, enquanto ela contou com a preferência de 187.262 eleitores (29%), em uma lista que abrangia um total de 12 concorrentes.

Eles superaram no pleito municipal de 15 de novembro o atual prefeito, Nelson Marchezan Júnior (PSDB), além de Juliana Brizola (PDT), Fernanda Melchionna (Psol), Valer Nagelstein (PSD), João Derly (Republicanos), Gustavo Paim (PP), Rodrigo Maroni (Pros), Montserrat Martins (PV), Julio Flores (PSTU) e Luiz Delvair (PCO).

Um dos aspectos que chamaram a atenção nos resultados do primeiro turno foram os altos índices de abstenção e votos não dedicados aos candidatos a prefeito.

Foram 645.613 votos válidos (89,11%), 36.678 brancos (5,06%), 42.076 nulos (5,81%) e 358.217 abstenções (33,08%). Ou seja, quase a soma dos votos dos dois primeiros colocados. Esse índice colocou a capital gaúcha no topo do ranking de abstenção eleitoral dentre todas as capitais brasileiras.

Perfis

Advogado e atualmente deputado estadual, Sebastião Melo é natural de Piracanjuba (GO), está radicado em Porto Alegre desde 1978 e e tem 62 anos.

Ele foi vice-prefeito da capital gaúcha na gestão de José Fortunati (2013-2016), que também concorria a prefeito neste ano (pelo PTB) mas teve a sua chapa impugnada pela Justiça eleitoral na última semana antes da votação em primeiro turno – ele acabou apoiando oficialmente a candidatura de Melo.

Melo é casado com Valéria e tem dois filhos: Pablo e João Artur. O patrimônio declarado pelo candidato é de R$ 458 mil.

Já Manuela D’Ávila, natural de Porto Alegre, tem 39 anos e é formada em Jornalismo pela PUCRS (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) e mestre em Políticas Públicas.

Ela foi vice na chapa de Fernando Haddad (PT) no pleito presidencial de 2018, vencido por Jair Bolsonaro (então pelo PSL).

Manuela é casada com o músico Eduardo Leindecker, com quem tem a filha Laura, 5 anos. O patrimônio declarado pela candidata é de R$ 455,5 mil.

Entrevistas

No início da noite da última terça-feira (24), Sebastião Melo esteve do programa “Pampa Debates”, sabatinados pelo apresentador Paulo Sérgio Pinto da TV Pampa. Já na edição do dia seguinte, foi a vez de Manuela D’Ávila participar da atração da emissora.

Ambos os concorrentes à prefeitura da capital gaúcha falaram sobre suas trajetórias, propostas de campanha e outros assuntos.

(Marcello Campos)

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Porto Alegre

Rio de Janeiro: o ex-prefeito Eduardo Paes enfrenta neste domingo o seu sucessor, Marcelo Crivella
São Paulo: eleitores decidem entre Bruno Covas e Guilherme Boulos
Deixe seu comentário
Pode te interessar