Quinta-feira, 05 de agosto de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
15°
Mostly Cloudy

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Grêmio Tiago Nunes fala sobre titularidades de Jhonata Robert e Bruno Cortêz

Compartilhe esta notícia:

O Grêmio de Tiago Nunes ainda não venceu no Campeonato Brasileiro 2021

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Grêmio ainda não venceu no Campeonato Brasileiro 2021. Com a derrota para o Athletico-PR em casa deixou o tricolor na zona de rebaixamento sem somar sequer um ponto na competição. Após a partida, o técnico Tiago Nunes falou em entrevista coletiva respondendo questionamentos da imprensa.

Analisando a partida, Tiago Nunes concluiu que o time paranaense conseguiu neutralizar as jogadas ofensivas do tricolor. O técnico frizou que foi um confronto muito difícil, contra uma equipe que está em um ritmo de jogo maior que o Grêmio, dando assim mais entrosamento para o adversário. “Mas ritmo de jogo só se consegue jogando”, concluiu. O maior empecilho para o mau resultado foi a linha de 5 que a equipe do técnico Paulo Autuori armou. Entretanto, Tiago explicou: “Tivemos um número de chances e finalizações parecidos”.

Em suas palavras a partida foi equilibrada. O técnico gaúcho respondeu acerca de um possível momento ruim que vive com o time gremista: “Claro que o resultado negativo às vezes acaba passando por cima do que foi o jogo”. Respondendo sobre o placar adverso mesmo jogando dentro de casa, Tiago Nunes respondeu: “O contexto a gente sabe que é importante vencer em casa. Mas não temos a presença do torcedor. Os fatores locais vão se alternando, não pela presença do torcedor ou pela pressão”.

Questionado sobre a titularidade de Jhonata Robert, o que culminou na espera de Jean Pyerre no banco de reservas, Tiago explicou a escolha: “Tem bom enfrentamento 1 x 1 e boa finalização. É um meia mais atacante que organizador como o Jean Pyerre. Hoje optei utilizar o Jhonata por pensar que viria um adversário mais fechado e precisaríamos mais da jogada individual”. Ainda, outro jogador que saiu como titular e que não agradou os torcedores foi a manutenção de Bruno Cortez: “Tem muita força física para fazer a compensação defensiva. É um jogador que tem uma história no Grêmio, ganhou muitos títulos”.

Sobre alternar jogo pelo lado ou pelo meio, depende do que o adversário apresenta. Jogamos a maior parte do tempo 55 metros de campo, depende muito do jogo de combinação. Temos que melhorar mas também valorizar o adversário”, analisou. Contudo, Tiago explicou sobre a continuidade no trabalho que anteriormente vinha sendo comandado por Renato Portaluppi: “O Grêmio durante muito tempo teve uma identidade claríssima de jogo que tentamos dar continuidade às coisas boas que teve”.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Grêmio

Jogando em casa pelo Brasileirão, Grêmio perde por 1 a 0 para o Athletico-PR
Exclusivo: Douglas Costa fala da sua reestreia: “Em breve espero estar atuando”
Deixe seu comentário
Pode te interessar