Sexta-feira, 30 de Outubro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
16°
Mostly Cloudy

Mundo Vaticano confirma caso de coronavírus na residência Santa Marta, onde vive o papa

Compartilhe esta notícia:

O comunicado não deu detalhes sobre o estado de saúde do papa, que desde sua eleição se estabeleceu em Santa Marta e não no palácio apostólico

Foto: Reprodução
O comunicado não deu detalhes sobre o estado de saúde do papa, que desde sua eleição se estabeleceu em Santa Marta e não no palácio apostólico. (Foto: Reprodução)

O Vaticano anunciou neste sábado (17) que um caso de coronavírus foi registrado na residência de Santa Marta, onde vive o Papa Francisco.

“Um caso positivo de Covid-19 foi registrado entre os residentes do Vaticano. O paciente, por enquanto assintomático, foi isolado, assim como todos aqueles que estavam em contato com ele”, informou a assessoria de imprensa da Santa Sé, acrescentando que o infectado havia “”saído temporariamente da residência Santa Marta, onde costuma morar”.

O comunicado não deu detalhes sobre o estado de saúde do papa, que desde sua eleição se estabeleceu em Santa Marta e não no palácio apostólico. “A saúde de todos os moradores é monitorada constantemente”, dizia o comunicado.

Na audiência da última quarta-feira (14), Francisco evitou o contato com fiéis e saudou-os à distância. “Perdoem-me se os saúdo de longe, mas acho que se todos nós, como bons cidadãos, respeitarmos as prescrições das autoridades, isso contribuirá para acabar com esta pandemia”, declarou o Papa.

A Itália, onde o vírus já causou a morte de 36 mil pessoas, está experimentando surtos significativos do vírus. Na sexta-feira (16), 10 mil novos casos foram registrados em 24 horas, um recorde absoluto desde o início da pandemia.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Mundo

Total de mortos por coronavírus no mundo passa de 1,1 milhão
Presidente da Câmara dos Deputados nega possibilidade de prorrogar estado de calamidade por três meses
Deixe seu comentário
Pode te interessar