Últimas Notícias > Capa – Magazine > Festival de Cinema de Gramado apresenta dois filmes gaúchos em sessões especiais com recursos de acessibilidade

Novo bafômetro usado em Brasília mostra se o motorista bebeu sem que ele precise encostar no aparelho

A PRF investe na aquisição de etilômetros passivos. (Foto: Divulgação/PRF)

Um novo bafômetro usado pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) nas vias do Distrito Federal é capaz de revelar se o motorista ingeriu bebida alcoólica a uma distância de dez centímetros, sem que ele precise encostar a boca no aparelho. Da janela do veículo, os agentes já poderão perceber se há indícios de alcoolemia.

O etilômetro passivo capta a presença de álcool no ar. Se acender a luz verde é porque não há álcool no ambiente, a luz amarela indica que pode haver álcool, já a vermelha aponta que o motorista bebeu.

O teste dura no máximo 15 segundos. Se o resultado for positivo, o teste será feito com o bafômetro tradicional, explica a PRF.

No Distrito Federal, os agentes receberam seis aparelhos que, além de serem considerados mais práticos, vão permitir economia de gastos.

Como não há necessidade de bocal para captar o ar expelido pelo motorista, o mesmo aparelho é usado o tempo indeterminado. Já com o bafômetro, a cada teste é necessário trocar o bocal que é descartável e custa R$ 1,50 a unidade.

Número de motoristas embriagados aumenta no DF

De acordo com a PRF, de janeiro até abril, foram aplicadas 373 multas nas rodovias federais do DF por uso de álcool. Em 2018, no mesmo período foram 294 infrações.

O número de prisões por alcoolemia também aumentou. Conforme a PRF, 53 motoristas foram detidos neste ano. Em 2018, no mesmo período, foram 34 prisões.

Dirigir embriagado é considerado infração gravíssima, o motorista leva 7 pontos na carteira e multa de R$ 2.934,70. O infrator ainda pode ser penalizado com a perda do direito de dirigir.

PRF prende homem alcoolizado dirigindo na contramão em Eldorado do Sul

Policiais Rodoviários Federais prenderam um homem na quinta-feira (23), por dirigir sob efeito de álcool, em Eldorado do Sul. Ele dirigia seu veículo na contramão pela BR 290.

Após receber denúncia de condução irregular na BR 290, a equipe se deparou com um automóvel Focus com placas de Taquari seguindo pela contramão, próximo à Unidade Operacional da PRF, em Eldorado do Sul. Ao ser abordado, o condutor, que tem 29 anos, negou-se a realizar o teste do etilômetro. Durante a abordagem ele se mostrou desorientado, incoerente e agressivo. No interior do carro foi encontrada uma garrafa de uísque quase vazia.

Com visíveis sinais de quem havia bebido, o motorista foi preso pelo crime de embriaguez. O homem foi autuado pelas infrações cometidas e conduzido à polícia judiciária para os demais procedimentos cabíveis. O veículo foi recolhido ao depósito credenciado.

Idoso alcoolizado é preso

Um idoso de 71 anos de idade foi preso na quarta-feira (22) na BR 050, em Catalão/GO, por dirigir alcoolizado.

Tudo começou quando uma equipe de policiais que estava em fiscalização de rotina flagrou um Chevrolet Onix ultrapassando em faixa proibida.

Ao abordar o veículo, os agentes constataram que o condutor estava impaciente. Para a polícia, ele disse que ultimamente estava muito triste em função de ter perdido sua mãe recentemente.

Ele foi submetido ao teste de bafômetro e foi reprovado com teor alcoólico de 0,41 mg/l, disse ainda que fez a ingestão de bebidas alcoólicas até às 22h do dia anterior.

Segundo o motorista, ele saiu de Brasília/DF com destino a Araguari/MG para resolver problemas familiares. A PRF constatou que ele já estava viajando cerca de 300 quilômetros sob efeito de álcool.

O idoso foi autuado por ultrapassagem proibida e embriaguez ao volante e foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil local.

Deixe seu comentário: