Domingo, 26 de maio de 2024

Porto Alegre
Porto Alegre, BR
12°
Cloudy

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Tecnologia Celular pegando fogo: seis cuidados no verão para você não ter que jogá-lo na água

Compartilhe esta notícia:

Aparelho pode sofrer com a exposição ao calor excessivo. (Foto: Reprodução)

Apesar das altas temperaturas do verão brasileiro, há caminhos de manter a saúde do seu aparelho celular. É claro que hoje os smartphones já possuem tecnologia que os façam desligar ou suspender as atividades de forma automática quando expostos a altas temperaturas.

Contudo, esse superaquecimento pode gerar danos em peças internas ou mesmo o estufamento da bateria. Para evitar que isso aconteça, há uma série de medidas simples que garantirão a segurança do seu aparelho em ambientes muito quentes.

Veja, a seguir, seis dicas imprescindíveis para manter o seu celular em perfeito estado neste verão:

* Não exponha o aparelho diretamente à luz do sol

Seja na praia, piscina, no clube ou em qualquer tipo de ambiente aberto, se for usar o celular, procure uma sombra. Evitar o contato da tela diretamente com os raios solares evita que o aparelho esquente. Usar o celular ao sol, além de gerar desconforto nas mãos, torna o sistema mais lento, o que pode comprometer definitivamente as placas do dispositivo. Inclusive, nestes casos pode haver o estufamento ou mesmo a explosão da bateria.

* Evite capinhas protetoras ao sol

As capinhas são itens essenciais para garantir a durabilidade do aparelho, evitando arranhões. Contudo, as capinhas de borracha, silicone ou mesmo couro podem criar um ambiente propício para o superaquecimento dos celulares. Na prática, o acessório abafa as entradas de circulação de ar, fazendo o aparelho superaquecer, causando a interrupção do funcionamento.

* Não deixe o celular no carro

É uma péssima ideia deixar o celular dentro do carro, exposto ao sol, nestes dias quentes. Aliás, esquecer o aparelho no porta-malas ou mesmo no porta-luvas pode ser ainda pior. Isso porque, a área interna do veículo se torna praticamente uma estufa nos dias quentes, uma vez que acumula os gases aquecidos, aumentando a temperatura dos telefones.

Diante deste cenário, a Samsung aconselha, por exemplo, que os usuários evitem usar os dispositivos por longos períodos em carros com aquecedor. Já a Apple pede que os usuários mantenham seus aparelhos em temperaturas que variam entre -20°C e 45°C.

* Não carregue o celular debaixo do travesseiro

O simples ato de conectar o celular a uma tomada fará com que o aparelho aqueça. Portanto, ao colocar o smartphone embaixo de um travesseiro durante esse processo pode potencializar o calor. Assim, as temperaturas podem chegar a níveis perigosos, inclusive tendo o risco de o celular pegar fogo.

Dessa forma, o ideal é manter o aparelho distante do rosto ao dormir e não deixá-lo sob toalhas ou lençóis. Ao carregá-los, opte por superfícies duras e arejadas até que a bateria esteja completa.

* Não coloque o celular na geladeira, caso ele esquente

Se o seu aparelho celular superaqueceu, nada de colocá-lo na geladeira, freezer ou mesmo qualquer recipiente com gelo. Isso pode fazer com que partículas de água fiquem presas dentro do celular, prejudicando o seu funcionamento.

Portanto, o melhor a se fazer é desligar o aparelho ou colocá-lo em modo avião, deixá-lo em uma superfície arejada e em temperatura ambiente. Isso fará com que ele resfrie naturalmente. Também é aconselhável remover a capa protetora, assim como o carregador, caso esteja plugado na tomada.

* Cuidado com água do mar e piscina

É claro que os celulares mais modernos possuem certificações IP67 e IP68. Elas tratam da resistência à submersão em água doce e limpa. Contudo, esse tipo de proteção não salva o parelho em caso de água salgado ou com cloro. Isso porque, tanto na água do mar quanto em piscinas cloradas há substâncias que podem romper o isolamento contra água e poeira. Assim, podem ocorrer oxidações em componentes internos.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Tecnologia

Além de “Ferrari”: conheça 5 filmes interessantes sobre corridas de carro para ver em casa
Entenda por que os empregos nas gigantes de tecnologia perderam o encanto
https://www.osul.com.br/celular-pegando-fogo-seis-cuidados-no-verao-para-voce-nao-ter-que-joga-lo-na-agua/ Celular pegando fogo: seis cuidados no verão para você não ter que jogá-lo na água 2024-02-26
Deixe seu comentário
Pode te interessar