Segunda-feira, 23 de Novembro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
27°
Fair

Rio Grande do Sul Detonações controladas são realizadas em barragem na Serra Gaúcha

Compartilhe esta notícia:

Fissuras foram detectadas na barragem Passo do Meio

Foto: Divulgação
Fissuras foram detectadas na barragem Passo do Meio. (Foto: Divulgação)

A empresa Energética Campos de Cima da Serra começou, neste sábado (08), a nova etapa para a abertura de comportas laterais na barragem Passo do Meio, em São Francisco de Paula, na Serra Gaúcha, por meio de detonações controladas.

O procedimento vai reduzir o volume de água da barragem para posterior manutenção de duas fissuras. De acordo com a empresa, a vibração da detonação não deve causar riscos à estrutura da barragem.

O uso de explosivos foi autorizado pelo Exército Brasileiro e liberado pela Fepam (Fundação Estadual de Proteção Ambiental). Serão realizados três avanços, dois com detonação e um manual. A segunda etapa está prevista para ocorrer entre as 18h desta segunda-feira (10) e as 6h de terça-feira (11).

Uma terceira fase para abertura da comporta será realizada de forma manual. A estimativa é de que a primeira comporta esteja aberta até quarta-feira (12). O processo vai reduzir significativamente o volume de água da barragem e os riscos de inundação para posterior manutenção das duas fissuras identificadas.

Por meio do Sistema de Comando de Incidentes, em Bento Gonçalves, a Coordenadoria Regional de Defesa Civil do RS atua conjuntamente com o Corpo de Bombeiros Militar e a Brigada Militar durante nova varredura das áreas ribeirinhas ao longo do rio das Antas para garantir a segurança da população durante as detonações.

O Centro de Operações da Defesa Civil enviou, na tarde de sexta-feira (07), um alerta via SMS para os moradores das comunidades com casas próximas ao rio e que estão na zona de impacto direto.

No mês passado, a Energética Campos de Cima da Serra emitiu um comunicado sobre a detecção de fissuras na barragem.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Congresso decreta luto oficial de quatro dias após Brasil ultrapassar 100 mil mortes por coronavírus
Após tragédia, primeiro-ministro do Líbano anuncia que vai propor eleições antecipadas
Deixe seu comentário
Pode te interessar