Quarta-feira, 28 de Outubro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Cloudy

Esporte Juventude tenta acabar com sequência sem vitórias na Copa do Brasil

Compartilhe esta notícia:

Juve enfrenta o CRB pela 4ª fase da competição nesta quinta-feira (17)

Foto: Divulgação
Juve enfrenta o CRB pela 4ª fase da competição nesta quinta-feira (17). (Foto: Divulgação)

Hora de virar a chave para a Copa do Brasil. Fazendo boa campanha no Campeonato Brasileiro Série B, o Juventude se prepara para duelar com o CRB nesta quinta-feira (17), às 16h (horário de Brasília), mas, desta vez, o confronto é válido pela 4ª fase do principal torneio do País. De olho em avançar mais uma vez às oitavas de final, o Juve também quer melhorar o seu desempenho recente na competição, que não tem sido nada bom.

E você pode se perguntar: “como pode o desempenho não ser bom se o time chegou até a fase atual?”. Sim, o time conseguiu passar por três fases até chegar aqui, mas em nenhum dos confrontos saiu de campo com vitória. O pior: isso tem sido uma marca recente no clube nos últimos dois anos.

Já são oito jogos seguidos pela Copa do Brasil sem vitória, com sete empates e uma derrota. A última delas aconteceu na partida de volta contra o Botafogo, pela 3ª fase de 2019. Na rodada seguinte, dois empates com o Vila Nova e triunfo nos pênaltis levaram o time às oitavas, vencida pelo Grêmio após um empate e uma vitória do Imortal.

Em 2020, a equipe passou pelo Coruripe (0x0), se classificando com o empate por ter jogado fora, XV de Piracicaba (1×1 e classificação nos pênaltis) e América-RN (1×1 e 1×1, novamente passando após penalidades).

Só para se ter uma ideia, para igualar o número de vitórias que tem no Brasileirão Série B em 2020 é necessário somar todas as participações de 2016 até aqui (dependendo da fase, este número consegue ser um pouco maior).

O retrospecto contra o CRB

Na história, poucas vezes Juventude e CRB dividiram o mesmo campo e todos esses confrontos são recentes, pode-se dizer. Tudo começou em 2008, pelo Brasileirão Série B daquela temporada. O Juve venceu no turno e no returno (4×0 e 2×0). Depois, as equipes só voltaram a se enfrentar em 2017 e 2018, também pelo campeonato nacional. Empate e vitória do CRB no primeiro ano e um triunfo para cada lado no calendário seguinte.

Por fim, tem o confronto de 2020, que inaugurou a temporada do Campeonato Brasileiro Série B. No Alfredo Jaconi, na Serra Gaúcha, o Juventude saiu perdendo para o CRB, mas buscou a virada mesmo perdendo um pênalti.

As novidades

Recentemente, o Juventude contratou quatro atletas, que agora estão disponíveis para serem utilizados na Copa do Brasil. O experiente Wagner chegou para reforçar o meio-campo, assim como Roberto Henrique. Na defesa, zagueiro paraguaio Nery Bareiro e o lateral-esquerdo Luiz Felipe completam o pacote de reforços da última semana.

Sobre o Betsul

O Betsul é o melhor site de apostas esportivas da América do Sul, desenvolvido para atender os apostadores e torcedores mais exigentes. O site oferece uma interface simples, intuitiva e segura para o apostador se divertir à vontade a partir de diversas modalidades de apostas e uma extensa lista de esportes.

Com o ídolo Falcão, maior jogador de futsal de todos os tempos, como embaixador da marca, o Betsul também representa o braço brasileiro da Gambling for Change, organização que pretende revolucionar o mercado de apostas esportivas em todo o mundo.

Chamada de Jogo do Bem no Brasil, a iniciativa destina uma quantia do valor arrecadado com apostas no site para uma causa ou instituição social. Isso não implica em nenhum custo adicional para o apostador, é o Betsul que reparte um percentual do seu lucro para fazer o bem.

O Betsul é um site licenciado pela Curacao eGaming, com regulamentação e registro em Curacao. Número de registro: 8048/JAZ2019-017.

Fonte: Betsul

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Esporte

Agência Nacional de Vigilância Sanitária esclarece que medição de temperatura pela testa não causa danos à saúde
Na contramão do fechamento de vagas, postos intermitentes crescem com a reforma trabalhista
Deixe seu comentário
Pode te interessar