Domingo, 28 de Fevereiro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
27°
Light Rain / Wind

Agro Ministério premia empresas do agronegócio por boas práticas

Compartilhe esta notícia:

Dezenove empreendimentos receberam o Selo Mais Integridade.

Foto: Tony Oliveira/CNA
Dezenove empreendimentos receberam o Selo Mais Integridade. (Foto: Tony Oliveira/CNA)

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento premiou nesta sexta-feira (5) por boas práticas de integridade 19 empresas do agronegócio brasileiro. O Selo Mais Integridade tem por objetivo reconhecer empresas e cooperativas que adotam ações de responsabilidade social, sustentabilidade e ética.

Ao oferecer a premiação, a pasta busca valorizar ações que demonstram o comprometimento com iniciativas que visem inibir fraudes, suborno e corrupção. “A pauta de ética integridade e transparência está inserida como ponto fundamental do plano estratégico do Mapa”, disse a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, durante o evento de entrega do selo.

“Acreditamos cada vez mais que iniciativas como essas do nosso selo de integridade podem ser um escudo na alavancagem de lucros, sendo um diferencial importante no novo modelo do agronegócio limpo e sustentável que estamos apresentando ao mundo”, acrescentou ela após antecipar que a partir da próxima edição do prêmio serão contempladas também empresas e cooperativas do setor pesqueiro.

“Para receber o selo, a empresa ou cooperativa precisa comprovar que adota um programa de compliance, código de ética e conduta, canais de denúncia efetivos, ações com foco na responsabilidade social e ambiental e promover treinamentos para melhoria da cultura organizacional”, informou o ministério.

Além disso, é necessário que a empresa ou cooperativa esteja em dia com as obrigações trabalhistas, o que implica em não ter multas relacionadas a esse tema nos últimos dois anos, não ter casos de adulteração ou falsificação de processos e produtos fiscalizados pela Secretaria de Defesa Agropecuária do Mapa, além de ter “ações de boas práticas agrícolas enquadradas nas metas de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas e não ter cometido crimes ambientais nos últimos 24 meses”.

Veja a lista das empresas premiadas em 2020:

Andrade Sun Farms Agrocomercial Ltda;

Amaggi Exportação E Importação Ltda;

Bem Brasil Alimentos S/A;

São Salvador Alimentos S/A;

Sinergia Agro Do Brasil Ltda;

Upl Do Brasil Indústria E Comércio De Insumos Agropecuários S/A;

Vittia Fertilizantes E Biológicos S/A;

Adecoagro Vale Do Ivinhema S/A;

Agrícola Xingu S/A;

Baldoni Produtos Naturais Comércio E Indústria;

Bunge Alimentos S/A;

Citri Agroindustrial;

Compass Minerals América Do Sul Indústria E Comércio S/A;

Iharabras S/A Indústrias Químicas;

Indústria E Comércio De Alimentos Supremo Ltda;

Mig Plus Agroindustrial Ltda;

Rio Branco Alimentos S/A;

Rivelli Alimentos S/A;

Três Corações Alimentos S/A.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Agro

Regime Optativo de Tributação da Substituição Tributária do RS tem novo prazo de adesão até 12 de fevereiro
Brasil negocia compra de 10 milhões de vacinas Sputnik V
Deixe seu comentário
Pode te interessar