Sexta-feira, 24 de maio de 2024

Porto Alegre
Porto Alegre, BR
12°
Cloudy

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Bruno Laux Panorama Político

Compartilhe esta notícia:

Esta coluna reflete a opinião de quem a assina e não do Jornal O Sul. O Jornal O Sul adota os princípios editorias de pluralismo, apartidarismo, jornalismo crítico e independência.

Rumores prejudiciais

A ampla divulgação na imprensa da possibilidade de Aloizio Mercadante ascender ao comando da Petrobras favoreceu o prolongamento da permanência de Jean Paul Prates no comando da estatal. Além de enfrentar resistência entre alguns membros do governo, o atual presidente do BNDES foi prejudicado ao alimentar os rumores sobre a possível mudança de cargo.

Perda orçamentária

O corte de R$280 milhões no Ministério da Defesa para o cumprimento orçamentário do novo arcabouço fiscal da União desagradou equipes da pasta federal. Integrantes do órgão afirmam que a diminuição de recursos pode impactar no cumprimento de contratos de projetos estratégicos e no custeio de diversas organizações militares do país.

Reajuste dos servidores

Em meio à pressão de servidores do Executivo federal por reajuste salarial, o Planalto deixou espaço no Orçamento de 2025 para atender à demanda. Apesar da divulgação do percentual estar prevista somente para o fim de agosto, a expectativa é de que a alteração seja compatível com o que vem sendo prometido pelo Ministério da Gestão.

Relações Brasil-China

O vice-presidente Geraldo Alckmin participa na próxima semana da comemoração dos 50 anos das relações diplomáticas Brasil-China, promovida pelo Centro Brasileiro de Relações Internacionais. O evento deve reunir nomes do setor público e privado para a discussão de soluções comuns aos dois países em setores de energia, agricultura e combate à pobreza e desigualdades, além da reforma da governança global.

Pautas do trabalho

O ministro do Trabalho, Luiz Marinho, apresenta nesta quarta-feira os planos da pasta para este ano à Comissão de Trabalho da Câmara. O deputado Capitão Alberto Neto (PL-AM), proponente da oitiva, deve questionar o líder ministerial sobre o projeto de lei que regulamenta o trabalho dos motoristas de aplicativo.

Elogios ao Legislativo

Questionado sobre os impactos das decisões do Congresso sobre a pauta econômica do governo, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, elogiou a “coragem” do Congresso em 2023. Apesar de seguir pedindo apoio dos parlamentares, o chefe ministerial reconheceu que os membros do Legislativo se dispuseram a enfrentar “assuntos espinhosos” no ano passado, contrariando interesses e lobbies estabelecidos.

Individualização de ações

O general Tomás Paiva, comandante do Exército Brasileiro, vem afastando de cargos de relevância os militares que eram próximos dos golpistas investigados no STF. O movimento integra a estratégia da Força Armada em se distanciar de polêmicas do gênero e individualizar ações de suspeitos de envolvimento em atos de ameaça ao Estado Democrático de Direito.

Impedimento declarado

O ministro do STF Cristiano Zanin declarou-se impedido de analisar um recurso da defesa do ex-presidente Jair Bolsonaro contra uma multa estabelecida pelo TSE. O magistrado recusou a participação no caso porque atuou como advogado do presidente Lula durante o processo que gerou a penalidade financeira.

Calendário de eventos

O plenário do Senado analisa nesta semana o projeto de lei que cria o Calendário Turístico Oficial do Brasil. Já validado na Câmara dos Deputados, o texto pretende centralizar a divulgação de eventos que acontecem em todo território nacional, de modo a promover o turismo e o desenvolvimento local.

Resposta ao MST

A presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, Caroline de Toni (PL-SC), pautou para esta semana no colegiado uma série de projetos contra o MST. Integrante da ala bolsonarista da Casa, a deputada decidiu avançar com os textos em resposta às recentes invasões de terra promovidas pelo movimento, em meio ao chamado “Abril Vermelho”.

Solução sustentável

O governador em exercício Gabriel Souza representou o RS nesta segunda-feira em uma reunião com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), sobre a renegociação da dívida dos estados com a União. O líder gaúcho reiterou a necessidade de uma solução sustentável para os débitos com o governo, que seja viabilizada de acordo com as peculiaridades das finanças públicas de cada região.

Documentação para indígenas

O governo gaúcho e a Corregedoria-Geral de Justiça iniciaram nesta segunda-feira o processo para registro de documentações básicas dos indígenas da aldeia Kaingang do bairro Lomba do Pinheiro, em Porto Alegre. Os órgãos iniciaram a campanha realizando o pré-cadastro de interessados na ação, de modo a dar andamento à confecção dos documentos.

Candidatura confirmada

Confirmando as expectativas sobre o pleito municipal deste ano, o prefeito Sebastião Melo anunciou nesta segunda-feira que tentará a reeleição para a prefeitura de Porto Alegre. Apesar da pré-candidatura, o chefe do Executivo municipal permanece sem companheiro de chapa definido, frente à decisão do atual vice, Ricardo Gomes, em não participar das eleições deste ano.

Busca digital

A Guarda Municipal de Porto Alegre iniciou nesta segunda-feira o teste de um aplicativo móvel voltado à identificação de veículos furtados e roubados. Desenvolvida pela Procempa, a plataforma é integrada ao sistema de cercamento eletrônico da Capital e realiza a análise de placas em tempo real.

Combate ao assédio

A Procuradoria Especial da Mulher da Câmara de Porto Alegre lançou nesta segunda-feira uma campanha contra o assédio moral no serviço público. A ação visa tornar a Casa Legislativa um espaço comprometido com o combate à prática, incentivando funcionárias a procurarem ajuda e denunciarem seus agressores.

Brigada Militar 180 anos

A Câmara de Porto Alegre sedia até o dia 25 de abril a exposição “Fotos que contam os 186 anos da Brigada Militar”. A mostra cultural, apoiada pelo gabinete da vereadora Comandante Nádia (PL), reúne imagens da trajetória da corporação desde sua fundação, em 1837.

Esta coluna reflete a opinião de quem a assina e não do Jornal O Sul.
O Jornal O Sul adota os princípios editorias de pluralismo, apartidarismo, jornalismo crítico e independência.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Bruno Laux

Sebastião Melo anuncia pré-candidatura e diz que vice será construído com partidos da base
Governo tenta atrasar derrubada do veto à saidinha
https://www.osul.com.br/panorama-politico-415/ Panorama Político 2024-04-16
Deixe seu comentário
Pode te interessar