Quinta-feira, 30 de maio de 2024

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Bruno Laux Panorama Político

Compartilhe esta notícia:

O ministro da Casa Civil, Rui Costa. (Foto: José Cruz/Agência Brasil)

Esta coluna reflete a opinião de quem a assina e não do Jornal O Sul. O Jornal O Sul adota os princípios editorias de pluralismo, apartidarismo, jornalismo crítico e independência.

Autoridade federal

O ministro da Casa Civil, Rui Costa, sinalizou nesta terça-feira que o presidente Lula indicará uma autoridade federal para acompanhar a situação do RS até o fim do estado de calamidade. A expectativa é de que o nome, o qual será responsável pela articulação entre órgãos federais e prefeitos, seja anunciado ainda nesta semana.

Autoridade federal II

Pessoas do entorno do governador Eduardo Leite e do PSDB receberam com estranheza a decisão do Planalto em criar uma autoridade pública federal para centralizar as ações no RS. A avaliação dos aliados do líder gaúcho é de que a criação do posto pode gerar ruídos desnecessários e eventuais disputas por protagonismo.

Divulgação de ações

O governo federal anunciou nesta terça-feira a criação de uma plataforma digital para concentrar informações e serviços sobre o apoio ao RS em meio às enchentes. O portal, lançado após o presidente Lula ter reclamado de falhas na comunicação sobre o contexto, reúne iniciativas dos ministérios e órgãos federais atuantes no amparo ao território gaúcho.

Despesas prisionais

O Ministério da Justiça antecipará R$1 milhão do Fundo Penitenciário Nacional ao RS para atender as despesas emergenciais de unidades prisionais atingidas pelas chuvas. A pasta encaminhará também uma série de equipamentos e mobiliários aos presídios para repor itens perdidos durante as enchentes.

Tentativa de convocação

O deputado Delegado Ramagem (PL-RJ) vem tentando convocar o ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski, para averiguar a abertura de investigação pela PF sobre a disseminação de fake news relacionadas à catástrofe climática no RS. O parlamentar, contrário à apuração, acusa o governo de “sanha persecutória contra a liberdade de expressão”.

Transporte de deputados

Frente às restrições da malha aérea decorrentes do fechamento temporário do Aeroporto Salgado Filho, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), solicitou nesta semana uma aeronave para o transporte dos deputados da bancada gaúcha ao RS. O pedido visa atender parlamentares que estão na capital federal e desejam retornar ao estado.

Sugestão aos colegas

O presidente da Comissão de Infraestrutura do Senado, Confúcio Moura (MDB-RO), colocou o colegiado à disposição para dar celeridade às medidas de apoio ao RS. O parlamentar sugere que, assim como o MDB, congressistas de todo o Congresso Nacional devem destinar emendas para auxiliar os gaúchos.

Auxílio aos militares

O Exército está avaliando a possibilidade de conceder um auxílio emergencial para os militares impactados pelas chuvas no RS. A Força Armada vem articulando um levantamento de danos entre seus integrantes no território gaúcho e estudando o impacto orçamentário para o encaminhamento do benefício.

Socorro polarizado

O ex-presidente Michel Temer criticou nesta terça-feira os movimento de polarização atrelado à mobilização de políticos de direita e esquerda em torno do trabalho de socorro ao RS. Em discurso no Brazil Investment Forum do Lide, em Nova York, o ex-mandatário destacou que o momento não é de alimentar diferenças, mas sim de unir forças.

Campeonato da solidariedade

O deputado Giovani Cherini (PL-RS) sugeriu à Confederação Brasileira de Futebol que, em comum acordo com os clubes nacionais, destine um percentual da renda de todos os jogos do Campeonato Brasileiro às vítimas das enchentes no RS. O parlamentar pede pela implementação do que chama de “campeonato da solidariedade” e afirma que, caso a ideia avance, teremos a participação de um público ainda maior nos jogos.

Vistorias pelo estado

O governador Eduardo Leite viajou à Caxias do Sul nesta terça-feira para verificar in loco e com autoridades municipais os impactos das enchentes no município da Serra Gaúcha. O líder estadual se comprometeu em visitar o maior número possível de localidades do estado, nas próximas semanas, para vistorias e alinhamentos de medidas do governo.

Atualizações dos abrigos

A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social lançou uma ferramenta para fornecer transparência aos dados dos abrigos temporários no RS. O sistema oferece informações atualizadas, oriundas das secretarias municipais de Assistência Social, de modo a facilitar o acesso dos cidadãos e imprensa a informações essenciais em meio ao contexto emergencial.

Educação na crise

Lideranças da Secretaria de Educação do RS participaram nesta terça-feira do primeiro encontro da Trilha de Acolhimento em Contexto de Crise Climática. A formação busca apoiar profissionais de educação, oferecendo suporte teórico e estratégias de acolhimento para as equipes e a rede escolar em meio aos eventos climáticos extremos no estado.

Plano de limpeza

Apesar do Guaíba permanecer com o nível acima da cota de inundação, a prefeitura de Porto Alegre vem elaborando desde já um plano de limpeza da cidade. Um conjunto de 20 equipes deve iniciar o processo à medida que as águas baixarem nos 20 bairros mais atingidos pelas cheias na Capital.

Emissão de atestados

A Defesa Civil de Porto Alegre está emitindo atestados para os moradores impactados pelas recentes inundações na Capital. O documento, que pode ser solicitado pelo site da prefeitura ou WhatsApp 156, deve auxiliar os cidadãos impossibilitados de retornar ao trabalho devido às condições adversas causadas pelas inundações.

Corredor ampliado

A Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura decidiu ampliar em 300 metros o corredor humanitário instalado na última semana em Porto Alegre. O caminho vem sendo utilizado para agilizar o abastecimento dos serviços essenciais da cidade, assim como a circulação de veículos de saúde e segurança.

Esta coluna reflete a opinião de quem a assina e não do Jornal O Sul.
O Jornal O Sul adota os princípios editorias de pluralismo, apartidarismo, jornalismo crítico e independência.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Bruno Laux

Notícias da Assembleia Legislativa do RS
Comissão de mudança climática é só “lacração”
https://www.osul.com.br/panorama-politico-444/ Panorama Político 2024-05-15
Deixe seu comentário
Pode te interessar