Quarta-feira, 17 de agosto de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Geral Setor de cruzeiros discorda de recomendação da Anvisa para suspender temporada

Compartilhe esta notícia:

Associação diz que o setor segue rigorosos protocolos sanitários para evitar infecções. (Foto: Divulgação/Royal Caribbean)

A Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (CLIA) afirmou, em nota, que discorda da recomendação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) de suspender provisoriamente a temporada das viagens no Brasil.

Apesar do posicionamento contrário, a CLIA afirmou que o setor segue rigorosos protocolos sanitários para evitar infecções, tais como o teste diário de Covid-19 de mais de 10% da tripulação e dos passageiros.

A nota ressalta ainda que os mais de 300 casos identificados a bordo de novembro até agora representam 0,2% dos 130 mil passageiros e tripulantes embarcados desde o início da temporada, há quase dois meses.

Na recomendação, a Anvisa citou o “aumento repentino de casos de infecção por Covid-19 detectados nas embarcações que operam cruzeiros marítimos ao longo da costa brasileira e os dados epidemiológicos nacionais e mundiais, especialmente sobre o aparecimento e transmissão em território nacional da variante Ômicron”.

Só no dia 31 de dezembro foram duas embarcações que interromperam suas viagens por conta de casos de Covid-19. A recomendação da agência foi encaminhada ao Ministério da Saúde na sexta-feira (31).

A MSC Cruzeiros, operadora de cruzeiros responsável pelo navio MSC Splendida, informou à Anvisa na sexta-feira (31) que a operação da embarcação foi interrompida por conta de surto de Covid-19.

A Costa Crociere anunciou paralisação do navio Costa Diadema para os embarques em Santos em 3 e 10 de janeiro e os embarques em Salvador em 6 e 13 de janeiro.

A empresa alegou que se trata de uma “medida de responsabilidade e em acordo com a exigências das autoridades da Anvisa”.

Já neste domingo (2), uma investigação epidemiológica conjunta entre as Secretaria Municipal de Saúde (SMS-Rio), Secretaria de Estado de Saúde (SES) e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), realizada pela manhã a bordo do transatlântico MSC Preziosa, confirmou 28 casos de covid-19.

Foram testados todos os casos sintomáticos e seus contatos próximos. De acordo com nota divulgada há pouco pela SMS Rio, todos estavam isolados em setor específico da embarcação, com sintomas leves e boa evolução clínica. Foram coletadas amostras para sequenciamento genômico.

Após pouco mais de cinco horas de espera, os 3.200 passageiros do MSC Preziosa, navio turístico que atracou por volta das 8h deste domingo (2), no Rio de Janeiro, desembarcaram. As informações são da CNN e da Agência Brasil.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Geral

Sancionada lei que prorroga desoneração da folha de pagamentos até 2023
Navio com surto de covid cancela nova viagem com 2 mil pessoas já no terminal
Deixe seu comentário
Pode te interessar