Últimas Notícias > Notas Brasil > Haddad condenado por caixa dois em 2012

Comercialização de sucos de uva cresce mais de 40% no Brasil

Rio Grande do Sul responde por 90% da produção da bebida. (Foto: Dandy Marchetti/Divulgação Ibravin)

Em 2018 o Brasil comercializou 140 milhões de litros de sucos de uva, prontos para consumo. O Rio Grande do Sul responde por 90% da elaboração da bebida no país.  A produção absorve metade da matéria-prima cultivada e vem se consolidando como um dos carros-chefes do setor, com média de crescimento anual de mais de 40%, como destaca Oscar Ló, presidente do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin).

O chefe-geral da Embrapa Uva e Vinho, José Fernando da Silva Protas, explica que o segmento vem ganhando importância  ao longo dos mais 40 anos de pesquisas para melhoramento genético, para a criação de uvas americanas e híbridas. Com características únicas, o suco de uva é gostoso e nutritivo e promove diversos benefícios à saúde, que vão desde a prevenção de doenças cardiovasculares até a melhora na cognição e auxílio na redução de peso.

E de 25 a 27 de setembro, o Parque de Eventos de Bento Gonçalves vai sediar a 2ª Wine South America – Feira Internacional do Vinho . O evento contará com mais de 250 marcas expositoras das principais regiões produtoras nacionais e internacionais e  vai promover o Concurso Melhores Sucos do Brasil. Até o dia 22 de agosto, cada empresa expositora poderá inscrever seus produtos entre as três categorias da premiação: Suco de Uva 100%, Suco de Uva Integral e Suco de Uva Orgânico. Para participar, é necessário que as bebidas estejam disponíveis ao mercado consumidor e que tenham estoque mínimo de 500 litros. O regulamento do concurso, métodos de avaliação e detalhes do envio de amostra estão disponíveis no site oficial da feira: www.winesa.com.br 

Deixe seu comentário: