Últimas Notícias > Colunistas > Fatos históricos do dia 12 de novembro

Flamengo conta com Arrascaeta, Filipe Luís e Rafinha contra o Grêmio

Meia ficaria fora de até dois jogos do Campeonato Brasileiro. (Foto: Divulgação)

O Flamengo avaliou nesta sexta-feira (18) a situação clínica do trio Arrascaeta, Filipe Luís e Rafinha, em recuperação de lesão, e definiu que vai no mínimo relacionar os jogadores para o jogo com o Grêmio, na próxima quarta-feira (23).

Segundo o Globo apurou, o departamento médico sabe que os atletas não estarão com 100% das condições de jogo, mas o caráter decisivo do duelo pela semifinal da Libertadores vai pesar para a decisão. Até para o retorno de Diego, que fraturou o tornozelo em julho.

O caso mais delicado atualmente é do uruguaio. Arrascaeta passou por uma artroscopia no joelho esquerdo depois do jogo de ida, no dia 3 de outubro, e intensificou o tratamento em três turnos para voltar a jogar no Maracanã.

Filipe Luís teve um problema semelhante no mesmo local, mas fez apenas fisioterapia e já foi a campo treinar com bola.

Rafinha, por sua vez, se reapresentou nesta quinta-feira após operar uma fratura na face. Como a lesão não foi grave, fez drenagem no edema e está à disposição para a partida. A única ressalva é uma proteção prevista para ser usada no rosto pelo lateral.

Diego está de volta

O prazo inicial era de quatro a cinco meses, mas Diego está de volta ao Flamengo em menos de 90 dias. O meia, que teve uma fratura com lesão ligamentar no tornozelo esquerdo em 24 de julho e passou por cirurgia no dia seguinte, foi liberado em definitivo pelo departamento médico nesta sexta-feira. Com isso, o camisa 10 rubro-negro já está à disposição de Jorge Jesus para o Fla-Flu deste domingo (20), às 18h (de Brasília), no Maracanã. Mas o treinador só vai decidir se irá relacioná-lo para o clássico neste sábado.

Diego, que se lesionou em jogo contra o Emelec no Equador, pela Libertadores, teve uma recuperação acelerada e já vinha em transição nas últimas semanas. Enquanto ainda não estava liberado pelo departamento médico, o meia tem feito a alegria de torcedores do Flamengo fora de campo. Fantasiado de urubu, ele foi como anônimo ao Maracanã assistir ao empate diante do São Paulo em setembro, e semana passada foi à festa de aniversário de um fã mirim.

Lincoln também está recuperado de um estiramento na coxa direita, sofrido contra o Botafogo em julho. Durante o tratamento, o centroavante teve reincidência e passou por um trabalho de reestruturação e reequilíbrio muscular.