Quarta-feira, 29 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
25°
Fair

Grêmio Arena completa 7 anos e Grêmio sonha com a compra antecipada da gestão

Estádio foi inaugurado em 8 de dezembro de 2012

Foto: (Rádio Grenal)

O dia 8 de dezembro representa uma marca importante na vida dos gremistas. Há sete anos, em 2012, os tricolores presenciam a inauguração do seu novo recinto, a Arena do Grêmio. De lá, para cá, o local já recebeu mais de 7 milhões de pessoas entre partidas de futebol, shows e eventos. Mas 2019 pode terminar com a concretização de um sonho por parte da direção do tricolor: a compra da gestão do estádio.

Ao longo de sete anos de história, a Arena já acumula muitas lembranças marcantes na vida do clube e dos torcedores, a final e a conquista do título da Copa do Brasil em 2016. Aquela partida entre Grêmio e Atlético Mineiro levou ao recorde de público: 55.337 pessoas prestigiaram o jogo.

Ainda neste ano, os torcedores puderam comemorar dois títulos do Grêmio em casa – Gauchão e a Recopa Gaúcha -, além de acompanhar a Copa América, incluindo a semifinal da competição entre Chile e Peru.

Mas se na data de aniversário, os tricolores pudessem fazer um pedido, a solicitação seria em coro: a compra da gestão. A direção do Grêmio se diz próxima de garantir a compra antecipada da gestão da Arena. O presidente Romildo Bolzan Jr, já anunciou que o clube possui acerto com a OAS (empresa empreiteira do estádio) e também com a Prefeitura de Porto Alegre. O processo agora aguarda a posição do Ministério Público do RS, que irá analisar as garantias ofertadas pelo clube a respeito das obras do entorno no bairro Humaitá. De acordo com o mandatário, só um ‘desastre’ impedirá a finalização da negociação.

“Estamos em um processo muito forte. Ele esteve pronto, minuto e definido, mas a Caixa há mais de um mês saiu do processo. Mas nós rapidamente, reconstruirmos um outro negocio para continuar avançando. Hoje, não falta absolutamente nada do negócio. Todas as pontas estão acertadas”, declarou Bolzan, em entrevista recente.

O presidente gremista explicou que a data de limite para a negociação é até o dia 31 dezembro, mas mostrou otimismo pela conclusão do negócio, um dos objetivos da atual gestão. “Temos um ajuste com a OAS, com a Prefeitura de Porto Alegre, e se o Ministério Público aceitar as garantias do Grêmio, não vai ter nenhum problema e vamos para a finalização do negócio até 31 de dezembro. E, por consequência, se isso acontecer, entregamos o estádio Olímpico. Estamos muito próximos de concluir, somente um desastre pode derrubar o negócio.”

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Garotada do Grêmio faz primeiro treino antes de encarar o Goiás
O Grêmio perdeu por 3 a 2 para o Goiás na última rodada do Brasileirão
Deixe seu comentário
Pode te interessar