Domingo, 23 de Fevereiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
19°
Cloudy

Brasil Em palestra, ministro Luiz Fux comenta que a Justiça deve ser acessível a todos

Ministro do Supremo suspendeu, por tempo indeterminado, implantação do juiz de garantias, aprovado pelo Congresso (Foto: Carlos Moura/SCO/STF)

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, defendeu o acesso de todos à Justiça e a independência dos juízes. A palestra aconteceu neste segunda-feira (17), na Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (Emerj).

“A Justiça é a ponte por onde passam todas as misérias e todas as aberrações. Nós, juízes, devemos ser, em primeiro lugar, independentes. Olimpicamente independentes. Temos que deter, por dever de ofício, um conhecimento enciclopédico, uma nobreza de caráter e, acima de tudo, temos a arte de fazer a justiça caridosa, uma caridade justa”, ressaltou Fux.

Ele ainda relembrou a importância de que o poder Judiciário sirva toda a sociedade igualmente. “A essência primária do acesso à Justiça é exatamente tornar acessível à Justiça as pessoas pobres”, disse o ministro.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Governo federal divulga relatório sobre pagamento de milhões em dívidas atrasadas dos estados
Justiça paulista autoriza leilão da Avianca
Deixe seu comentário
Pode te interessar