Sábado, 18 de setembro de 2021

Porto Alegre
Porto Alegre
16°
Mist

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Acontece Lactalis assume operações industriais da Cativa

Compartilhe esta notícia:

A Lactalis do Brasil, líder do segmento de lácteos, apresentou um faturamento de R$ 9,8 bilhões em 2020 e um volume de captação, até então, de 2,7 bilhões de litros de leite ao ano. (Foto: Divulgação/ Carolina Jardine)

Na tarde desta terça-feira (01), a Lactalis do Brasil foi autorizada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), a incorporar os ativos pertencentes à Cooperativa Cativa, com sede em Londrina, no Paraná. A partir de agora, a Lactalis assume as fábricas localizadas em Cerqueira César (SP) e Londrina (PR) e o centro de coleta de Pato Branco (PR), bem como toda a estrutura comercial da Cativa. O acordo incluiu também, a revisão de passivo e garantia de aquisição de leite dos 4 mil cooperados da Cativa por um prazo de dez anos, renováveis por mais dez.

O objetivo da Lactalis do Brasil é permanecer com a produção de leite UHT com as marcas Polly e Cativa, passando a envasar também produtos das marcas Batavo, Elegê e Parmalat. A Lactalis do Brasil trará toda sua expertise internacional em gestão e assistência técnica aos produtores de leite para atingir a meta de elevar o faturamento das operações do Paraná e alavancar a captação de 360 milhões de litros ano para volume próximo a 500 milhões no prazo de dois anos.

Para o presidente da Lactalis América Latina, Patrick Sauvageot, a incorporação dos ativos da Cativa representa um novo momento da atuação da empresa. “A parceria com a Cativa é um exemplo da nossa ação em favor do desenvolvimento cooperativo do setor de laticínios do Brasil. Entendemos que há um caminho muito promissor nesse sentido a ser desenvolvido por parcerias e capaz de ganhar eco em diferentes regiões do país”, destacou Sauvageot.

Já o presidente da Cativa, Paulo Cesar Maciel, informou que a negociação ampliou o potencial de investimento em oferta de tecnologia e inovação aos cooperados. “Vamos nos beneficiar do know how da Lactalis na área de lácteos, uma empresa sólida e confiável com quem nós construímos uma relação de confiança que queremos manter ao longo do tempo”, finalizou Maciel.

 

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Acontece

Sesc/RS oferece vagas gratuitas para projeto de Iniciação Esportiva
Turis Silva lança o primeiro ônibus rodoviário a gás do Brasil
Deixe seu comentário
Pode te interessar