Sexta-feira, 21 de Fevereiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
23°
Fair

Brasil Michel Temer classifica prisão como “barbaridade”

(Foto: Cesar itiberê/PR)
Por Anna Dalbem*

Em entrevista por telefone ao jornalista Kennedy Alencar, da CBN, o ex-presidente da República Michel Temer, preso nesta quinta-feira (20), refere-se à própria prisão como “uma barbaridade”.

Em nota, MDB (Movimento Democrático Brasileiro) diz que lamenta a postura açodada da Justiça à revelia do andamento de um inquérito em que foi demonstrado que não há irregularidade por parte de Temer e do ex-ministro Moreira Franco, também preso pela Polícia Federal.

Partido de Michel Temer diz ainda que espera que a Justiça restabeleça as liberdades individuais, a presunção de inocência, o direito ao contraditório e o direito de defesa.

 

*Estagiária sob supervisão de Marjana Vargas

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Brasil

Partido dos Trabalhadores divulga nota sobre prisão de Temer
Repercussão internacional da prisão de Temer: bolsa cai 1,34% e preço do dólar avança 1,81%
Deixe seu comentário
Pode te interessar