Quinta-feira, 02 de Julho de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
Mostly Cloudy

Rio Grande do Sul Motorista de aplicativo é banido após assediar adolescente em Viamão

Compartilhe esta notícia:

“Não sou teu pai e faria coisas que teu pai não faria. Pode ter certeza”, disse o motorista

Foto: Reprodução
“Não sou teu pai e faria coisas que teu pai não faria. Pode ter certeza”, disse o motorista. (Foto: Reprodução)

Um motorista da Uber teve a sua conta banida pela empresa após uma adolescente de 17 anos gravar um caso de assédio sexual durante uma corrida em Viamão, na Região Metropolitana de Porto Alegre, no domingo (16).

Após o fim da corrida, ela denunciou o perfil do motorista no aplicativo e  registrou uma ocorrência policial. No vídeo gravado pela adolescente e compartilhado nas redes sociais, o homem diz que poderia “namorar” com ela, mesmo após a menina revelar ser menor de idade.

Incomodada, a adolescente disse que tem idade para ser filha do homem, que respondeu: “Não sou teu pai e faria coisas que teu pai não faria. Pode ter certeza”. Ela se deslocava para a casa de uma amiga. A Polícia Civil investiga o caso.

A empresa de transporte por aplicativo divulgou uma nota sobre o caso. “A Uber considera inaceitável e repudia qualquer ato de violência contra mulheres. A empresa acredita na importância de combater, coibir e denunciar casos dessa natureza às autoridades competentes. A conta do motorista parceiro foi banida assim que a denúncia foi feita. A empresa defende que as mulheres têm o direito de ir e vir da maneira que quiserem e têm o direito de fazer isso em um ambiente seguro”, afirmou a empresa.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Seguro-desemprego pode ter taxação opcional
Polícia realiza operação para combater o tráfico de drogas e os homicídios no bairro Restinga, em Porto Alegre
Deixe seu comentário
Pode te interessar