Sábado, 02 de julho de 2022

Porto Alegre
Porto Alegre
22°
Fair

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER

Receba gratuitamente as principais notícias do dia no seu E-mail ou WhatsApp.
cadastre-se aqui

RECEBA NOSSA NEWSLETTER
GRATUITAMENTE

cadastre-se aqui

Acontece Terroir Cacau Bean to Bar abre loja de chocolates sustentáveis e artesanais em Porto Alegre

Compartilhe esta notícia:

Chef Chocolate Maker Izabel Prates fabrica em pequena escala, em processo que leva mais cacau e menos açúcar.

Foto: Luiz Miola/Divulgação
Chef Chocolate Maker Izabel Prates fabrica em pequena escala em processo que leva mais cacau e menos açúcar. (Foto: Luiz Miola/Divulgação)

Em Porto Alegre, a chocolate maker e empresária Izabel Prates apresenta a linha de chocolates da Terroir Cacau Bean to Bar, produzidos de forma totalmente sustentável e artesanal. Junto com sua equipe, ela está inaugurando a sua primeira loja física, localizada na Rua 24 de Outubro 1557, número 05, no bairro Auxiliadora. A Terroir Cacau também inicia a comercialização online dos produtos pelo site www.terroircacau.com.br.

O grande diferencial é a produção de chocolates naturais de maneira totalmente artesanal. São comercializadas versões da Terroir Cacau Bean to Bar em barras de chocolates nas linhas 70% intenso 0% açúcar/vegana, 48% ao leite 0% açúcar e, ainda, a deliciosa barra 48% ao leite de coco, também vegana. Os pequenos também ganham seu chocolate na Terroir Cacau, com 43% de cacau ao leite.

A chef Izabel explica que, além da linha de barras de chocolate, a empresa também atua com outros produtos. “Para eventos, produzimos bombons com recheios artesanais, usamos inclusive óleos essenciais. Também fazemos lembranças para festas e produtos corporativos, oportunizando pastilhas com logomarcas. Outros destaques são as gotas de chocolate para café, mini chocolates com logomarcas, inclusive com embalagens personalizadas, que atendem demandas de cafeterias, hotéis, padarias, bares e outros”, explica Izabel.

Conheça o processo de produção Terroir Cacau

Etapas de produção do chocolate Bean to Bar (do grão à barra) respeitam um ciclo. Primeiramente, na fazenda de cacauicultura são cultivados frutos do cacau, tipo fino. Lá, ainda são colhidos os frutos com todo o cuidado, retirada a sua polpa, que é levada a uma fermentação lenta e criteriosa, processo que pode levar alguns dias.

A seguir, estes grãos já secos são ensacados e transportados à Terroir Cacau. E aqui em Porto Alegre, a empresa faz a seleção das amêndoas para irem ao forno, onde são torradas. Na sequência, os grãos já torrados são triturados, formando os famosos “nibs de cacau”. Estes irão à melanger. Que é uma máquina usada para fazer o chocolate em si.

Nesse ‘moinho’, o processo dura 24 horas, até virar uma pasta. Passado esse tempo, incluem-se os demais ingredientes da receita. Em mais 48 horas o chocolate está pronto para ir à maturação, que dura cerca de dez dias. Passado esse período, o chocolate vai para a temperagem e moldagem. E, finalmente, toda a dedicação e envolvimento desse processo está pronto para ser saboreado.

Compartilhe esta notícia:

Voltar Todas de Acontece

CDL POA apoia nova iniciativa do Instituto Caldeira
Startups apresentam inovações em novo espaço da 22ª TranspoSul
Deixe seu comentário
Pode te interessar